Terça-feira, 25 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

Política Sexta-feira, 17 de Maio de 2024, 17:53 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 17 de Maio de 2024, 17h:53 - A | A

FERNANDA X BUZETTI

Parlamentares se reúnem para definir liderança da bancada depois da posse de Barbudo

Gisela Simona disse que os parlamentares ainda estão "em choque" com a morte de Amália Barros e adiaram a discussão

CAMILA RIBEIRO
Da Redação

Os senadores e deputados federais de Mato Grosso se reúnem para votar a nova liderança da bancada após a posse do primeiro suplente Nelson Barbudo (PL). Segundo a deputada Gisela Simona (União Brasil), os parlamentares ainda estão "em choque" com a morte prematura de Amália Barros (PL) e adiaram a discussão. A senadora Margareth Buzetti (PSD) disputa a cadeira com a deputada federal Coronel Fernanda (PL). O atual líder da bancada, Juarez Costa (MDB), não colocou o nome para fazer a manutenção do cargo. 

LEIA MAIS: Expectativa do PL é que Nelson Barbudo assuma mandato de Amália na próxima semana

"Não tivemnos uma nova reunião para tratarmos sobre isso nesta semana, pois a bancada ainda está meio em choque com relação ao falecimento da Amália. Acredito que na próxima semana isso possa vir novamente à discussão", falou Gisela Simona ao HNT. 

Margareth Buzetti é suplente do ministro da Agricultura, Carlos Fávaro (PSD). A senadora elevou o seu capital político quando conseguiu a aprovação do pacote antifeminicídio, endurecendo as penas de crimes contra a mulher. Outra frente que lhe colocou no centro das discussões foi quando o primeiro "bolo" da Reforma Tributária passou pelo Senado. Ao lado do primeiro suplente de Wellington Fagundes (PL), Mauro Carvalho (PRD), Buzetti travou batalhas nos bastidores pela continuiedade do Fethab.

Atualmente, Buzetti é titular nas comissões de Meio Ambiente, subcomissão Permanente do Bioma Pantanal, Agricultura e Reforma Agrária, Segurança Pública, entre outros grupos de trabalhos.

Coronel Fernanda estampou as manchetes nacionais ao assumir a coordenação da comissão externa para investigar a crise humanitária dos indígenas Yanomami, na região Norte do país. O trabalho será feito ao lado dos colegas de bancada Abilio Brunini (PL), José Medeiros (PL) e Gisela Simona. 

Considerando a formação atual, Buzetti teria afiançado os votos do senador Jayme Campos (União Brasil), Gisela, Emanuelzinho (MDB), Juarez Costa (MDB). Já o perfil de Coronel Fernanda está mais propenso a receber os votos do senador Wellington Fagundes, deputados Abilio, José Medeiros, Coronel Assis e de Nelson Barbudo. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Gina 18/05/2024

Esta Margaret buzeti votou contra o RS. É uma traidora

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros