Terça-Feira, 03 de Dezembro de 2019, 17h:38

Tamanho do texto A - A+

Justiça manda soltar médico suspeito de agredir ex-namorada

Por: LUIS VINICIUS

O desembargador do Tribunal de Justiça (TJMT), Pedro Sakamoto, acatou o pedido de habeas corpus e concedeu liberdade ao médico Emilson Miranda Júnior, de 30 anos, acusado de ameaçar e agredir a ex-namorada.

emilson miranda junior (1).jpg

 

O profissional de saúde estava preso desde o dia 27 de novembro por descumprir as medidas cautelares da soltura de sua prisão anterior – realizada no dia 21 de novembro por violência doméstica. Ele já foi preso três vezes pelo mesmo crime. No entanto, o TJMT não divulgou mais informações, pois o processo está em segredo de Justiça.

Conforme informações do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, a prisão foi feita por meio de audiência de custódia com a juíza da Ana Graziela Vaz de Campos Alves Corrêa, da 1º Vara de Violência Doméstica e Familiar da Comarca de Cuiabá.

Após ser solto na quinta-feira, o médico passou a utilizar monitoramento via tornozeleira eletrônica por seis meses. A medida previa também que a vítima agredida pelo médico utilizaria o botão do pânico. Devido ao fato de o processo correr em sigilo não foi informado qual medida foi descumprida.

Outros casos

Em fevereiro deste ano, o médico foi preso por agredir a ex-namorada com socos, puxões de cabelo e tapas. À época, ele ainda ameaçou a vítima dizendo que, caso ela denunciasse o crime, seria morta e sua filha seria cortada em “mil pedaços”.

A primeira prisão por violência doméstica foi executada no ano de 2017, quando Miranda foi acusado de espancar outra namorada. Na ocasião, a defesa do médico argumentou que ele sofria de transtornos mentais e comportamentais e fazia o uso de remédios que alteram seu comportamento.

O acusado conseguiu reverter a prisão preventiva em liberdade, mediante ao pagamento da fiança de R$ 28,1 mil.

Em 2018, uma outra denúncia foi feita contra o médico também por agressão, porém, a queixa foi retirada pela vítima.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 1