Sábado, 20 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

Polícia Sexta-feira, 14 de Junho de 2024, 14:48 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 14 de Junho de 2024, 14h:48 - A | A

TENTOU FUGIR PELO TELHADO

Criminoso que morreu em confronto com militares em Cuiabá é identificado

Na ocorrência, duas mulheres, que já tinham passagens por tráfico de drogas, foram presas e outros dois homens conseguiram fugir

SABRINA VENTRESQUI
Da Redação

O criminoso que morreu em confronto com policiais militares no bairro Sol Nascente, em Cuiabá, na tarde de quinta-feira (13), foi identificado como Leonardo Fabrício Cunha da Silva, de 25 anos. Ele tinha passagens criminais por delitos diversos. O embate aconteceu quando os militares foram atender uma ocorrência de tráfico de drogas. Ele chegou a tentar fugir pelo telhado das residências do bairro, mas não obteve êxito. 

LEIA MAIS: Homem morre em confronto armado com militares em Cuiabá; veja vídeo

Segundo informações, a Polícia Militar foi acionada e recebeu informações de que um furto estava ocorrendo em uma residência no Sol Nascente. Ao chegarem ao local, os militares constataram que a casa estava sendo utilizada como ‘boca de fumo’.

Os suspeitos, quando viram a polícia, correram para os fundos da residência. Leonardo tentou fugir pulando o telhado e entrou em confronto com a PM, que fazia um cerco policial. Ele foi alvejado e não resistiu aos ferimentos.

Na ocorrência, duas mulheres, que já tinham passagens por tráfico de drogas, foram presas e outros dois homens conseguiram fugir. Na casa, foram apreendidos valores em dinheiro, porções de drogas e aparelhos celulares.

A área foi isolada para os trabalhos da Perícia Oficial e Identificação Técnica.

As circunstâncias do confronto estão sendo investigadas pela Polícia Civil. 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Álbum de fotos

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros