Política Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011, 10:57 - A | A

Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011, 10h:57 - A | A

PLANEJAMENTO

PSD cria plano estratégico para buscar a reeleição de Zaeli em Várzea Grande

Prefeito reúne principais lideranças de Mato Grosso, como o vice-governador Chico Daltro

NOELMA OLIVEIRA

 

Mayke Toscano/Hipernotícias

Chico Daltro, presidente estadual do PSD, vai para reunião prestigiar o prefeito de Várzea Grande

 

Disposto em concorrer à reeleição, o prefeito de Várzea Grande, Sebastião Gonçalves (PSD), o Tião da Zaeli, reúne nesta sexta-feira (18) as principais lideranças da sigla no Estado e no município para discutir um plano estratégico às eleições de 2012. O primeiro encontro da agremiação acontece a partir das 19h no hotel Hitz Pantanal.

O presidente estadual do PSD, vice-governador Chico Daltro, e o presidente da Assembleia Legislativa e primeiro-secretário do partido, José Riva, vão participar do encontro. Deputados estaduais e federais também confirmaram presença.

Tião que contar com o apoio do partido e o peso das suas lideranças para se fortalecer na gestão municipal. Ele também busca ações que possam contribuir para o desenvolvimento do município, que enfrenta dificuldades de ordem financeira e administrativa.

Paralelamente, o PSD, que tem a maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com seis dos 13 vereadores, se estrutura para formar chapas para a disputa proporcional e majoritária, neste caso, o principal nome é o do atual prefeito, que está no cargo desde agosto passado, após a Justiça afastar o prefeito eleito, Murilo Domingos (PR).

O PSD busca ações que possam somar – aliado ao perfil empresarial de Tião - ao projeto de candidatura própria. Uma das estratégias é tentar desvincular a imagem de Zaeli a do prefeito afastado, embora os dois tenham disputado a eleição de 2008 pelo mesmo partido, o PR.

Oficialmente, Tião não afirma ser candidato, porém o discurso e a atuação à frente da prefeitura mostram a disposição dele em concorrer a reeleição. Como parte deste projeto, Zaeli não só trocou de partido como tornou o PSD a maior sigla, no segundo maior colégio eleitoral de Mato Grosso.

Em uma articulação liderada por Zaeli e o presidente da Câmara, Maninho de Barros, ex-DEM, seis vereadores aderiram ao PSD, sendo quatro oriundos do Democratas, incluindo o próprio Maninho, que é da tradicional família Campos - responsável pelo comando no DEM no Estado.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros