Política Domingo, 27 de Novembro de 2011, 18:30 - A | A

Domingo, 27 de Novembro de 2011, 18h:30 - A | A

ALERTA

Comitês discutem politicamente segurança na fronteira

Mato Grosso foi representado por dois deputados estaduais e secretário adjunto de Segurança Pública

DA REDAÇÃO

Marcos Negrini/Secom-MT

Patrulhamento na fronteira é uma das prioridades do governo federal

Representantes dos 11 estados da fronteira brasileira com países sul-americanos se reuniram em Foz do Iguaçu, no 1º Seminário Brasil-União Europeia para tratar sobre políticas regionais, organizado pelo Ministério da Integração, órgãos federais e o Estado do Paraná.

O deputado estadual Aírton Português (PSD) representou a Assembleia Legislativa de Mato Grosso como membro do Comitê Estadual de Fronteira, onde reforçou no evento a necessidade de instalação de uma base área na fronteira mato-grossense com a Bolívia, para auxiliar os trabalhos das forças de segurança que atuam na região- como o Grupo Especial de Fronteira (Gefron).

Segundo o parlamentar, a proposta é ampliar a fiscalização em toda a extensão da fronteira - que compreende mais de 900 quilômetros, sendo 200 destes, de área alagada.
“O tráfico é agravante em todo o país, mas como temos uma extensa faixa de fronteira em nosso estado, queremos com o comitê, principalmente, viabilizar projetos que possam inibir a situação que, infelizmente afeta a vida de jovens e de suas famílias e levam outros para a criminalidade”, pontua o deputado, ressaltando, contudo, que não apenas a segurança deve ter um olhar mais cuidadoso, mas outras áreas prioritárias como a educação e saúde na região.

A intenção do Ministério da Integração ao propor o seminário foi de fomentar o debate entre os atores governamentais, não governamentais e internacionais, sobre as oportunidades de desenvolvimento e cooperação fronteiriços, com ênfase em novos modelos de gestão.
O evento reúne na cidade fronteiriça os 11 núcleos ou comitês dos Estados fronteiriços para planejar conjuntamente com a Comissão Permanente para o Desenvolvimento e a Integração da Faixa de Fronteira (CDIF) do Governo Federal a elaboração de seus Planos de Desenvolvimento e Integração Fronteiriços (PDIFs) e a pactuação de uma agenda de compromissos.

MATO GROSSO

De Mato Grosso, participam também do seminário o secretário adjunto de Segurança Pública, Alexandre Bustamante; deputado Ezequiel Fonseca e representantes de municípios da região sudoeste, o presidente do Consórcio Complexo Nascentes do Pantanal, prefeito Nivaldo Ponciano e o secretário-executivo Dariu Carniel.

A comissão mato-grossense busca no evento subsídios para elaboração do plano de desenvolvimento da região fronteiriça. O Comitê Estadual junto com os municípios da região e consórcios intermunicipais realizarão entre os dias 9 e 11 de dezembro, em Cáceres, um seminário técnico para discutir a elaboração do plano de desenvolvimento.
O seminário contará com a participação do Ministério da Integração Nacional e da Superintendência de Desenvolvimento. (Com informações da assessoria)

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

José Bonifácio 27/11/2011

Já existe o GEFRON

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros