Domingo, 21 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

Polícia Quarta-feira, 12 de Junho de 2024, 14:47 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 12 de Junho de 2024, 14h:47 - A | A

ATO OBSCENO

Idoso é indiciado depois de mostrar pênis a crianças a caminho da escola

Crime ocorreu em março deste ano, em Chapada dos Guimarães

DA REDAÇÃO

Um idoso de 77 anos foi indiciado pela Polícia Civil nesta quarta-feira (12), pelo crime de ato obsceno, depois de flagrado mostrando o pênis para duas crianças que estavam a caminho da escola. O fato foi registrado em março deste ano, em Chapada dos Guimarães (62 km de Cuiabá). 

Segundo a Polícia Civil, as investigações começaram depois que Delegacia de Chapada dos Guimarães recebeu o registro da ocorrência, na manhã do dia 12 de março. À ocasião, duas crianças estavam a caminho da escola e foram surpreendidas pelo idoso que mostrou suas partes íntimas aos menores e os seguiu por alguns metros.

O delegado Eugênio Rudy Junior determinou a instauração de inquérito policial para apurar os fatos e durante as diligências, a equipe policial identificou o idoso. Com a conclusão da investigação, o idoso foi indiciado pelo crime de ato obsceno.

“O caso é muito grave e acende uma alerta para que a sociedade se conscientize da necessidade de proteger nossas crianças. Verificamos durante a investigação que uma pessoa, acima de qualquer suspeita, um idoso, tomou uma atitude que colocou em risco as crianças”, alertou o delegado.

O inquérito está sob sigilo de Justiça por envolver menores de idade e detalhes não podem ser informados. Nesta quarta-feira, a Polícia Civil encaminhou o procedimento ao poder Judiciário e Ministério Público Estadual.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros