Terça-feira, 16 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,94
libra R$ 5,94

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,94
libra R$ 5,94

Artigos Terça-feira, 27 de Dezembro de 2022, 08:04 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 27 de Dezembro de 2022, 08h:04 - A | A

FRANCISNEY LIBERATO

No cérebro

FRANCISNEY LIBERATO

Reprodução/Instagram

FRANCISNEY LIBERATO

 

Conhecer o funcionamento e os processos emocionais cerebrais é relevante para nossa vida.
A ansiedade causa a ideia de perigo constante em nossas vidas, provocando excessiva perturbação no sistema nervoso central. É um gatilho que ocorre no cérebro de um ser humano ansioso.

Ainda que a ansiedade seja associada ao medo, ela tem outros fatores que provocam agonia, pavor, afobação, angústia, nervosismo, além de outros impactos no nosso corpo, tais como: tensão muscular, dores no corpo, dor de cabeça, garganta seca etc. que são reações somatizadas, causadas pela ansiedade.

Lutar ou fugir são reações provocadas pela ansiedade e processadas dentro da amígdala cerebral, ou seja, a parte emocional do nosso cérebro.

Uma forma muito pertinente para se tratar da ansiedade e evitar que ela se transforme em algo generalizado é agir de modo racional quanto à problematização dessa sensação horrível.

Na ciência é possível encontrar estudos que indicam que a ansiedade tem fatores genéticos, assim, basta observar o seu pai, mãe, irmãos ou algum parente, para saber se tem ansiedade; se for positivo, é provável que você tenha predisposição para desenvolver essa doença. Por outro lado, há também fatores ligados ao meio, como: traumas, violência, estresse, mídias digitais e sociais, excesso de informação, com base no estilo de vida daquele ser humano, como ele enfrenta as dificuldades e os problemas desta vida.

Ressalta-se que a vida que levamos atualmente gera em cada ser humano ansiedade devido ao avanço da tecnologia, internet, redes sociais, excesso de informação, pressão no trabalho e nos estudos, medo, insegurança, instabilidade política e financeira, dentre outros fatores comuns da atualidade.

Pessoas que sofrem de ansiedade podem ressignificar as suas vidas fazendo tratamentos com psicólogos, terapeutas, aplicando técnicas como as apresentadas neste livro, reprogramando a sua mente, tomando ciência da situação, controle de pensamentos, administração dos batimentos cardíacos, respiração, enfim, procedimentos que trazem tranquilidade; há solução para o seu caso, mesmo que hoje você tenha um Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG).

Cuidando e zelando do cérebro racional e emocional, nós teremos sucesso no tratamento da ansiedade. Se conhecer e ter autodomínio da sua vida lhe proporcionará uma vida mais saudável, um cérebro otimizado e mais feliz.

(*) FRANCISNEY LIBERATO é Auditor do Tribunal de Contas. Escritor, Palestrante, Professor, Coach e Mentor. Mestre em Educação pela University of Florida. Doutor em Filosofia Universal Ph.I. Honoris Causa. Bacharel em Administração, Bacharel em Ciências Contábeis (CRC-MT) e Bacharel em Direito (OAB-MT). Vice-presidente da Associação Brasileira dos Profissionais da Contabilidade – ABRAPCON. Membro da Academia Mundial de Letras. Autor dos Livros: “Mude sua vida em 50 dias”, “Como falar em público com eficiência”, “A arte de ser feliz”, “Singularidade”, “Autocontrole”, “Fenomenal”, “Reinvente sua vida” e “Como passar em concursos – Vol. 1 e 2”, “Como falar em público com excelência”, “Legado”, “Liderança”, “Ansiedade”, “Mude sua vida em 50 dias Premium” e “Inteligência emocional”.

Os artigos assinados são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião do site de notícias www.hnt.com.br

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros