Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 10h:45

Tamanho do texto A - A+

“Se eu for agredido, saberei responder”, promete Roberto França

Por: THAYS AMORIM

O candidato à prefeitura de Cuiabá Roberto França (Patriota) declarou que pretende levar uma campanha de propostas, mas caso for atacado, saberá responder à altura. França, que foi prefeito da Capital entre 1996 e 2005, evitou comentar sobre a oficialização da candidatura à reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB).  

Reprodução

roberto frança

“Isso não é novidade nenhuma, ele sempre foi candidato. Para mim, não compete ficar analisando candidatura de Emanuel Pinheiro e nem quem apoia ele. Isso é problema dele", pontuou. 

LEIA MAIS: Pinheiro aceita candidatura à reeleição e terá Stopa como vice

 

Questionado se irá 'pesar a mão' durante a campanha eleitoral, França disse que tudo dependerá dos adversários.

"Vai depender do transcurso da campanha. Eu tenho que levar uma campanha de propostas, mas se eu for agredido, eu saberei responder. Isso é relativo, nós vamos saber na urna. O que fala mais alto é a urna”, declara.

Durante sua gestão, o ex-prefeito sofreu uma alta rejeição devido a diversos atrasos salariais de servidores municipais. Na época, França alegou falta de recursos para o pagamento dos salários. Contudo, o político alega que essas questões são águas passadas que não devem afetá-lo, e que a rejeição de Emanuel ainda é maior.

“Vai ter um segundo turno. Eu acho que minha rejeição já foi superada, é menor do que a dele [Emanuel], fazendo toda essa propaganda que ele faz aí. Eu acredito que isso não vá influenciar negativamente, senão eu não estaria em segundo lugar sem nem fazer campanha. Nem comecei a fazer campanha ainda”, destacou. 

Nesta quinta-feira (17), Emanuel Pinheiro confirmou sua candidatura à reeleição, com o ex-secretário de Finanças, José Roberto Stopa (PV), como vice. Já Roberto França, foi oficializado na última terça-feira (15), tendo como vice, o vereador Marcelo Bussiki (DEM). 

LEIA MAIS: Fábio Garcia recua de candidatura e DEM define apoio a Roberto França

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei