Terça-feira, 25 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

Polícia Sábado, 18 de Maio de 2024, 07:46 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 18 de Maio de 2024, 07h:46 - A | A

SE RELACIONAVA COM RIVAIS

PM salva jovem de 18 anos que seria morta por criminosos em guerra de facções

Na delegacia, os criminosos explicaram que a ordem tinha partido de lideranças da facção. A vítima havia sido "decretada" por se relacionar com integrantes de uma facção rival. Oito pessoas foram detidas

Da Redação

A Polícia Militar frustrou uma tentativa de sequestro e homicídio em Cáceres (200 km de Cuiabá) nesta sexta-feira (17). Cinco adolescentes e três adultos, todos faccionados, foram detidos pelos PMs. A vítima era uma jovem de 18 anos, moradora do bairro Residencial Vila Real. De acordo com as informações, ela seria sequestrada e morta por se relacionar com integrantes de uma facção rival. 

A Polícia Militar foi comunicada sobre a empreitada criminosa por volta de 1h20 de sexta-feira. Os militares receberam a informação de que o grupo se deslocava naquele momento até a Rua França para cometer o sequestro e a execução.

Como resposta, os policiais intensificaram as rondas na região para localizar os suspeitos. Eles foram encontrados já nas imediações da casa da vítima e se dispersaram para fugir dos PMs. 

Alguns foram imediatamente pegos e os outros abordados em ruas próximas à casa onde aconteceria o crime. Eles confessaram que pretendiam sequestrar a jovem, levá-la para um local ermo e executá-la. 

Na delegacia, eles explicaram que a ordem tinha partido de lideranças da facção. A vítima havia sido 'decretada' por se relacionar com integrantes de uma facção rival. 

Com informações Aragauia Notícias

 

 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros