Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

Esportes Terça-feira, 19 de Março de 2024, 19:00 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 19 de Março de 2024, 19h:00 - A | A

Simona Halep volta às quadras após 568 dias com sorrisos para torcida e derrota em Miami

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

Simona Halep voltou às quadras nesta terça-feira após 568 dias de punição por doping e problemas com documentação. Convidada pela organização do WTA 1000 de Miami, a romena retornou com alegria, empolgação, sorrisos, mas derrotada, de virada, para a espanhola Paula Badosa, parciais de 1/6, 6/4 e 6/3 e 2 horas de jogo.

Halep entrou em quadra bastante ovacionada em Miami e retribuiu o carinho com sorrisos para a arquibancada. Saltitante e sem esconder a euforia pelo retorno após quase dois anos - foram 568 dias afastada por doping -, ela parecia uma jovem estreante, apesar dos 32 anos.

A ex-número 1 do mundo não disputava uma competição oficial desde o Aberto dos Estados Unidos em 2022. Flagrada no doping pela substância Roxadust, além de irregularidades no passaporte biológico, recebeu punição de quatro anos. O retorno só foi possível após a Corte Arbitral do Esporte (CAS) acatar seu recurso e reduzir a punição para somente nove meses.

Convidada pala organização do WTA 1000 de Miami - está sem ranking pelo tempo parada -, a romena teve pela frente a espanhola Paula Badosa, que vem de resultados ruins no circuito, sobretudo por causa das seguidas contusões. Diante da "adversária perfeita", Halep foi logo mostrando que o talento não desapareceu e cravou 6 a 1 no primeiro set.

A questão então mudou: teria fôlego para aguentar toda a batalha? Em um set mais equilibrado, a espanhola começou a jogar melhor e conseguiu importante vantagem de 5 a 3. Conseguindo encaixar o saque e com uma quebra de vantagem, tinha tudo para igualar o placar. Desperdiçou o set point no saque na romena, que só fechou na quinta vantagem. Mas empatou o jogo em sua quarta chance: 6 a 4.

Logo no retorno, Halep teria três sets para testar o físico e matar saudade das quadras. A largada da parcial decisiva não foi boa, com a perda do serviço duas vezes. Até devolveu uma, mas Badosa abriu 4 a 2 e encaminhou a vitória. A falta de ritmo pesou no fim e a eliminação acabou inevitável, com nova quebra e 6 a 3.

WOZNIACKI AVANÇA E VENUS CAI
Em outros jogos da estreia, nesta terça-feira, destaque para a vitória de Caroline Wozniacki, recuperada de problema no pé que a fez desistir nas quartas de Indian Wells, diante de Iga Swiatek. Também convidada, a dinamarquesa fez 6/1 e 6/4 sobre a francesa Clara Burel.

Já a veterana americana Venus Williams mais uma vez caiu na estreia, desta vez com duplo 6/3 para a russa Diana Shnaider. Já as compatriotas Peyton Stearns e Taulor Townsend avançaram, assim como a alemã Laura Siegermund e a checa Katerina Siniakova.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros