Sábado, 18 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Esportes Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 19:30 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 19h:30 - A | A

CBF atende clubes e suspende rodadas do Brasileirão por causa das chuvas no RS

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

A CBF decidiu suspender as rodadas 7 e 8 do Brasileirão, conforme anunciou nesta quarta-feira, após consultar os 20 clubes do campeonato e receber de 15 deles o pedido de suspensão em solidariedade ao Rio Grande do Sul, que atravessa um desastre ambiental causado por fortes chuvas que têm elevado o nível do lago Guaíba. Com isso, a competição nacional não deve ter partidas antes do dia 1º de junho, para quando está prevista a nona rodada.

Os clubes favoráveis ao adiamento das partidas foram Atlético-GO, Atlético-MG, Athletico-PR, Criciúma, Cruzeiro, Cuiabá, Bahia, Juventude, Vitória, Fluminense, Fortaleza, Grêmio, Botafogo, Internacional e Vasco.

Também foi levada em consideração a solicitação feita anteriormente pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF), que encaminhou e endossou o pleito dos seus clubes filiados. Até então, apenas os jogos das equipes gaúchas estavam suspensos. Corinthians, Palmeiras, São Paulo, Flamengo e Red Bull Bragantino são os times que não se manifestaram a favor da paralisação.

"Nos últimos dias, o Brasil se viu radicalmente afetado por uma tragédia ambiental sem precedentes na história, que impactou diretamente milhões de pessoas no Estado do Rio Grande do Sul e, por conseguinte, o futebol praticado no Brasil. Nesse sentido, não se pode olvidar que o esporte e a sociedade caminham concomitantemente, não podendo se separar ainda mais em um momento tão difícil para a população brasileira", diz o comunicado da CBF.

"Sendo assim, a CBF, como entidade nacional de administração do desporto, se solidariza com cada vítima desse evento catastrófico, ressaltando que está empreendendo todos os esforços, no âmbito nacional e internacional, que estão ao seu alcance para colaborar com o povo gaúcho nessa drástica crise através de ações e iniciativas, sem prejuízo de outras que ainda serão desenvolvidas, caso necessário", conclui.

Anteriormente, a CBF havia anunciado que tomaria uma decisão sobre a paralisação do campeonato durante Conselho Técnico Extraordinário marcado para dia 27 de maio. A reunião está mantida, na mesma data, com o intuito de debater outros temas. como a situação de registro e transferência de atletas, questões jurídicas com relação aos acessos às competições internacionais como Libertadores, Sul-Americana e Mundial de Clubes e questões de direitos de transmissão e patrocínios.

A suspensão anunciada nesta quarta-feira é exclusivamente do Brasileirão. A princípio, a Copa do Brasil, também organizada pela CBF e que tem jogos na semana que vem, continua sendo disputada normalmente, com exceção das partidas envolvendo o quarteto gaúcho Grêmio, Internacional, Juventude e Ypiranga-RS.

Já nos campeonato organizados pela Conmebol houve uma realocação de datas para as partidas de equipes do Rio Grande do Sul. Os dois próximos duelos continentais de Grêmio, pela Libertadores (Huachipato e Estudiantes), e do Internacional (Real Tomayapo e Delfin), pela Copa Sul-Americana, foram deslocados para os dias 4 e 8 de junho. O Grêmio anunciou, nesta quarta, que vai mandar suas partidas no Couto Pereira. Já os treinos da equipe serão realizados até o dia 26 no CT do Corinthians, em São Paulo.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros