Quinta-feira, 25 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,66
euro R$ 6,14
libra R$ 6,14

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,66
euro R$ 6,14
libra R$ 6,14

Economia Terça-feira, 19 de Março de 2024, 17:30 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 19 de Março de 2024, 17h:30 - A | A

CNI defende corte Selic em 0,75 pp e diz que inflação em queda permite ritmo mais acelerado

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) avalia ser fundamental "acelerar o ritmo de queda da taxa básica de juros, a Selic, para no mínimo 0,75 ponto porcentual". O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central começou nesta terça a reunião que se encerra amanhã, para decidir sobre a taxa de juros, atualmente em 11,25% ao ano.

Segundo o presidente da CNI, Ricardo Alban, ampliar o tamanho da redução da Selic é compatível com o atual cenário de inflação sob controle e é essencial para reduzir os custos de financiamento para empresas, além de incentivar novos investimentos.

"Depois de o governo federal e a sociedade brasileira empreenderem esforços para acelerar o crescimento econômico com o retorno da política industrial, com base no programa Nova Indústria Brasil, o Banco Central precisa juntar esforços dando sua contribuição. A situação da inflação no Brasil já permite, há algum tempo, a redução mais relevante dos juros reais", defende Alban.

Na avaliação da entidade, a inflação de fevereiro superou as expectativas por motivações pontuais, refletindo a atividade escolar. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de fevereiro teve alta de 0,83%, o resultado mais elevado desde fevereiro de 2023.

"Adiar a aceleração no ritmo de queda da Selic certamente penalizaria ainda mais a atividade econômica no Brasil", afirma o presidente da CNI. Na avaliação da entidade, as taxas de juros elevadas provocam danos à economia brasileira, principalmente para o setor industrial, que possui cadeias longas, gerando grande cumulatividade de juros na composição do preço final do produto.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

 

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros