Sábado, 22 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

Política Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018, 11:03 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018, 11h:03 - A | A

"FORA DA CASINHA"

"Office boy pelo menos trabalha", rebate Domingos Sávio

LEONARDO HEITOR

A troca de farpas entre o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos da Saúde do Estado de Mato Grosso (Sisma), Oscarlino Alves, e o secretário do Gabinete de Governo, Domingos Sávio, continua. Indignado com a afirmação de que estaria buscando uma vaga de office boy no escritório de advocacia do governador Pedro Taques (PSDB), o gestor rebateu o líder sindical, afirmando que o office boy "pelo menos trabalha".

 

Alan Cosme/HiperNoticias

domingos savio

 Domingos Sávio diz que Fórum quer "chamar atenção"

As acusações entre ambos começaram após Sávio afirmar que a mobilização dos servidores estaduais, que cobram o pagamento da Revisão Geral Anual (RGA), seria motivada por "meia dúzia de sindicalistas" que preferem fazer "baderna" e greve do que trabalhar. Oscarlino rebateu, afirmando que o secretário teria que se preocupar com seu cargo em 2019, já que foi derrotado nas urnas e sugeriu que ele fosse office boy de Taques.

 

"Eu seria office boy do Pedro, ou de quem quer que seja, com muito prazer. Até porque office boy é uma profissão digna, trabalha e muito, coisa que esse cidadão já não faz há algum tempo, a não ser fazer baderna na rua e está encostado no sindicato", afirmou o secretário ao Hipernotícias

 

A polêmica da RGA começou após uma orientação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de não pagar a revisão para não ultrapassar os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) em relação à despesas do Executivo com pagamento de pessoal.  

 

"Eles sabem da situação e estão fazendo essa palhaçada só para chamar atenção. No fundo, eles acabam de descer do caminhão de protesto e vem para Casa Civil perguntar se o TCE já liberou o pagamento. Preferem insuflar a população a não trabalhar e jogar contra, principalmente neste momento delicado que o Estado está vivenciando" apontou Sávio.

 

O secretário declarou que ainda não houve nenhuma atualização sobre a situação da RGA no TCE. Ele também apontou que o Governo do Estado precisa respeitar o tribunal, que é um órgão fiscalizador. Domingos Sávio destacou que Pedro Taques é um legalista e não passaria por cima de uma determinação do TCE, sob pena de sofrer sanções do órgão. Ele ainda criticou a postura do Fórum Sindical, ao sugerir uma possível greve, mesmo com os salários em dia.

 

"Nunca vi um Estado que paga salário em dia ter servidor que faz greve. É fora da casinha isso. O governador pagou todas as progressões salariais, as RGA's e eles sabem disso e que não pagamos estas duas parcelas por conta de uma determinação do TCE. Alguém precisa parar esta meia dúzia de baderneiros. Se for necessário concientizar a população para isso, vamos fazer", completou.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

SALAS 14/11/2018

PESSOAL...QUEM É DOMINGOS SÁVIO NA ORDEM DO DIA? ALGUÉM PODE INFORMAR POR FAVOR?

positivo
0
negativo
0

Joao das Couves 14/11/2018

É só DEMITIR todos os grevistas e fim de papo...NAO TEM DINHEIRO...e pronto acabou Parabéns Domingos Sávio..isso ai

positivo
0
negativo
0

INDIGNAÇÃO 14/11/2018

Meça suas palavras moleque, tu tá achando que está num parquinho ? Criança mimada, comissionadinho....

positivo
0
negativo
0

3 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros