Domingo, 21 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,60
euro R$ 6,10
libra R$ 6,10

Polícia Sexta-feira, 21 de Junho de 2024, 10:49 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 21 de Junho de 2024, 10h:49 - A | A

NASCEU DE NOVO

Homem escapa de ser assassinado por faccionados armados pulando em lago

Ele seria morto com um tiro na cabeça por supostamente fazer parte de um grupo rival

SABRINA VENTRESQUI
Da Redação

Um homem de 28 anos teve a casa invadida por membros de uma facção criminosa que iriam executá-lo por ser, supostamente, de um grupo rival. O rapaz conseguiu fugir ao entrar em um lago e denunciou o caso à Polícia Civil. O fato foi registrado na madrugada de quinta-feira (20), em Lucas do Rio Verde (331 km de Cuiabá). 

Narra o boletim de ocorrência que a vítima compareceu à Delegacia de Polícia Civil do município e contou que havia sofrido uma tentativa de homicídio.

Conforme o relato, o rapaz estava em sua residência localizada no bairro Rio Verde, quando dois suspeitos invadiram o imóvel dizendo que o homem seria integrante de uma facção criminosa rival e, por isso, ele seria morto com um tiro na cabeça.

Desesperado, o rapaz saiu correndo e começou a pular o muro das casas vizinhas enquanto era perseguido pelos algozes. Em determinado momento, o homem entrou em um lago e nadou até conseguir despistar os suspeitos. Depois, foi até a delegacia para registrar a ocorrência.

Em diligências, os policiais conseguiram encontrar um rapaz com as mesmas características mencionadas pela vítima. No entanto, ele não foi reconhecido pelo alvo como autor da tentativa de homicídio e foi liberado.

O caso é investigado. 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros