Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Justiça Quinta-feira, 08 de Julho de 2021, 16:13 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quinta-feira, 08 de Julho de 2021, 16h:13 - A | A

IMUNIZAÇÃO CONTRA COVID-19

Defensorias notificam prefeitura de Cuiabá para que respeite faixas etárias em vacinação

LUIS VINICIUS
DA REDAÇÃO

As Defensorias Públicas da União e de Mato Grosso notificaram o secretário de Saúde (SMS) de Cuiabá, Célio Rodrigues da Silva, para que respeite as faixas etárias contidas no Plano de Vacinação contra a Covid-19, na Capital.

defensoria publica

 

A recomendação foi assinada na quarta-feira (7) pelo defensor público federal Renan Vinícius Sotto Mayor de Oliveira e pelo defensor público estadual Fábio Barbosa.

“No processo de imunização seja respeitada a ordem etária decrescente em conformidade com as Nota Técnica 717/2021 –CGPNI/DEIDT/SVS do Ministério da Saúde e Resoluções expedidas pela Comissão Intergestores Bipartite do Estado de Mato Grosso”, diz trecho do documento que o HiperNotícias teve acesso.

A notificação ocorre depois que a prefeitura de Cuiabá abriu cadastro para a vacinação de pessoas de 18 a 49 anos para substituir as imunizações dos faltosos.

LEIA MAIS: Cuiabá vai vacinar pessoas entre 18 e 49 anos e deixa faltosos para o fim da fila

Os defensores deram o prazo de cinco dias para que o secretário detalhe o processo de escolha da pessoa a ser imunizada. “Informe detalhadamente como ocorre a escolha da pessoa a ser imunizada, após preenchimento do cadastro municipal”, diz outro trecho da recomendação.

Por fim, os defensores solicitaram ainda que Célio Rodrigues informe quais os motivos que levaram o Executivo municipal a imunizar pessoas que não sejam consideradas prioritárias. “Caso a operacionalização do processo de imunizar a população em geral (18 a 49 anos) adote critério diverso do etário decrescente, apresente os estudos técnicos que racionalmente embasaram a tomada da decisão”, finalizou.

Outro lado

A prefeitura informou, por meio de nota, que irá se manifestar nos autos. 

Confira na íntegra a nota

A respeito de ação movida pela Defensoria Pública, que questiona o critério de agendamento para vacinação das pessoas de 18 a 49 anos de idade, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que foi notificada e que irá se manifestar nos autos, dentro do prazo concedido.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros