Sexta-feira, 19 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

Cidades Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 09:42 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 09h:42 - A | A

OUTRO MOTOQUEIRO

Segunda vítima de acidente entre duas motos e picape na região de Chapada é identificado

Kelvin de Abreu, de 29 anos, bateu de frente contra caminhonete na MT-020, acidente que matou o também piloto Juann Paulo de Melo, que era investigador policial

SUZANA ATAÍDE
Da Redação

O segundo motociclista que morreu em um acidente na MT-020, entre Água Fria e Chapada dos Guimarães (62 km de Cuiabá), foi identificado como Kelvin Felipe Jacobowski de Abreu, de 29 anos. Além dele, o investigador da Polícia Civil Juann Paulo Queiroz de Melo, de 43 anos, também morreu no acidente, na manhã deste domingo (9).

Juann e Kelvin retornavam de um passeio motociclístico com um grupo de amigos quando o acidente aconteceu.

As motos seguiam pela MT-020, sentido Água Fria, quando bateram contra uma picape que saía de uma estrada vicinal para entrar na rodovia. Os dois pilotos morreram na hora.

Kelvin era proprietário de um lava-jato.

LEIA MAIS: Investigador da Polícia Civil é uma das vítimas do acidente entre duas motocicletas e uma picape

Em nota, a Polícia Civil lamentou a morte do investigador. “Colegas de trabalho afirmam que a Polícia Civil era a paixão e vocação de Juann Paulo. Aos familiares, colegas e amigos do investigador, a Polícia Civil e todo seu corpo diretivo estende (sic) condolências por esse momento doloroso”.

Juann Paulo estava lotado atualmente na Delegacia Especializada de Meio Ambiente, onde exercia a função de chefe de operações. Durante sua carreira policial, iniciada na instituição em abril de 2007, o investigador passou por diversas delegacias, entre elas a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa e Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande.

O corpo do investigador será velado na Capela Funerária Santa Rita, na sala 1, desde a 1h desta segunda-feira. A capela está localizada na rua Miranda Reis, bairro Poção, na Capital.

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros