Sábado, 13 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

Cidades Sexta-feira, 21 de Junho de 2024, 16:39 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 21 de Junho de 2024, 16h:39 - A | A

UM MOTORISTA FERIDO

Engavetamento entre 5 veículos bloqueia via da BR-364 nesta sexta-feira

Colisão ocorreu próximo à ponte sobre rio Jurigue, no KM 175; motorista foi levado para o Hospital Regional de Rondonópolis

JOLISMAR BRUNO
Da Redação

Uma colisão envolvendo cinco veículos causou bloqueio de uma das pistas da BR-364 na região de Pedra Preta (240 km de Cuiabá), na tarde desta sexta-feira (21). O sentido bloqueado da via não foi informado. Um dos mororistas precisou ser socorrido e encaminhado para o Hospital Regional de Rondonópolis (212 km de Cuiabá). 

O acidente ocorreu no KM 175 da rodovia federal, próximo à ponte sobre rio Jurigue. Segudo informações da imprensa local, o motorista de uma carreta teria parado na pista para pegar uma cinta (usada para amarrar a lona), provocando uma lentidão no trânsito.

Com isso, os condutores que seguiam atrás foram forçados a reduzir a velocidade. Os motoristas de dois micro-ônibus e um ônibus conseguiram parar, mas o caminhoneiro que estava por último na sequência de veículos não conseguiu parar, atingindo a traseira do ônibus, que bateu em outros que estavam à frente. 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e prestou o socorro ao motorista que não conseguiu frear e bateu. Os demais contudores não tiveram ferimentos. 

A Polícia Rodoviária Federal controlou o trânsito no local, que ficou em meia pista. Uma fila quilométrica de veículos se formou em razão do acidente até a retirada dos veículos envolvidos da pista. 

 

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros