Sexta-feira, 12 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

Política Terça-feira, 06 de Dezembro de 2022, 21:26 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 06 de Dezembro de 2022, 21h:26 - A | A

ANIMAIS À VENDA NO TIA NAIR

Vidal pede que prefeito vete PL que pode acabar com Diretoria do Bem-estar Animal

Projeto cria feira para venda de animais domésticos e produtos de pet shops

DA REDAÇÃO

O vereador Sargento Vidal (MDB) usou da tribuna, durante a sessão ordinária desta terça-feira (6), para pedir que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) vete o Projeto de Lei n° 272/2022, que cria a feira de animais e produtos de pet shops no Parque Tia Nair.

O PL de autoria do vereador Marcrean Santos foi votado em regime de urgência na Casa de Leis na última quinta-feira (1°), para criar a feira "Palácio dos Pets", comercializando animais domésticos pelo menos uma vez na semana, no parque Tia Nair. Também sugere que ONGs levem animais para serem expostos para adoção, estando eles devidamente vermifugados e vacinados.

No entanto, Vidal considera a prática ilegal, pois libera a comercialização de animais vivos com a participação da Diretoria do Bem-estar Animal. O emedebista ainda diz que a criação desta feira poderá acabar com a Diretoria, que tem como objetivo proteger, acolher e também promover feiras de adoção para os animais que são abandonados ou retirados de situações de maus-tratos.

"Esse projeto simplesmente destrói a Diretoria do Bem-estar Animal. O que já foi tão difícil de conquistar, pode acabar com esse projeto. Colocar animais de estimação à venda em praça pública por meio de um Projeto de Lei, ainda incluindo a Diretoria do Bem-estar Animal, é crime, infelizmente passou pela CCJ por ser regime de urgência, do contrário, não passaria. A Comissão mais adequada para ser ouvida naquele momento era a do Meio Ambiente, mas não ouviram. Então, peço que o prefeito vete totalmente esse Projeto de Lei n°272/2022", declarou ele.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros