Domingo, 29 de Março de 2020, 08h:00

Tamanho do texto A - A+

Pinheiro prevê queda na receita de até R$ 35 mi a partir de abril

Por: WELLYNGTON SOUZA

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) afirmou que prevê uma queda na arrecadação de R$ 25 a R$ 35 milhões no mês de abril devido a pandemia da Covid-19, coronavírus, na Capital. Na segunda quinzena de março, o emedebista disse que já houve uma perda de pelo menos R$ 8 milhões.

pinheiro.png

 

“A receita vai cair, perdemos agora em torno de R$ 8 milhões nessa quinzena. Estamos achando que será em torno de três vezes isso, uma previsão de R$ 25 a R$ 35 milhões, o que é devastador para um município como Cuiabá. É uma previsão responsável para que eu possa tomar as medidas para que Cuiabá não pare. Deu uma baqueada na gente que nós não esperávamos”, disse durante transmissão ao vivo pelo Facebook. 

Apoio do governo estadual

Pinheiro declarou que espera um companheirismo por parte do governador Mauro Mendes (DEM) como houve em São Paulo, nesta sexta, quando o governador João Doria (PSDB), anunciou repasse de R$ 50 milhões à prefeitura paulista no combate ao vírus.

“É muito importante deixarmos de lado as diferenças políticas partidárias – ou até pessoas se tiver, o que no meu caso não tem. É isso que eu espero do nosso governo do Estado. Esse apoio à Cuiabá, a maior cidade do estado, mãe de todos os municípios. Nós juntos é que vamos resolver, poder ficar mais fortes para enfrentar esse inimigo invisível que é a Covid-19”.

Conforme Pinheiro, a prefeitura tem trabalhado diuturnamente no combate ao vírus. “A cidade como um canteiro de obras de ponta a ponta, um abalo desse na nossa economia é muito sério. Estou me preparando para isso, preparando toda a minha equipe com reuniões de tarde, de noite, de madrugada, não tem hora para dormir. A prioridade é proteger a saúde e a vida das pessoas”.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto