Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

Política Terça-feira, 07 de Junho de 2016, 10:27 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 07 de Junho de 2016, 10h:27 - A | A

NÃO ESTAVA NA LOA

Inflamados por fala de secretário, servidores ocupam Assembleia e cobram explicações

PABLO RODRIGO

Os servidores das categorias que compõem o Fórum Sindical ocuparam agora pela manhã (7) a Assembleia Legislativa para cobrar os 24 deputados estaduais sobre as declarações do secretário de Planejamento José Bussiki, que disse aos sindicalistas que os deputados não incluíram a Revisão Geral Anual (RGA) dos servidores públicos na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016 (veja o vídeo abaixo). 

 

Alan Cosme / HiperNotícias

Servidores na Assembleia Legislativa

Servidores lotaram corredores e galerias da Assembleia, cantando: "O deputados, Bussiki disse, o que vocês fizeram é pura canalhice”

Aos gritos de “ô deputados, Bussiki disse, vocês fizeram essa canalhice”, centenas de servidores ocuparam as galerias e os corredores do Legislativo Estadual. Segundo a Polícia Militar, são 600 manifestantes no local.

 

Um dos representantes do Fórum Sindical, James Rachid Jaudy, disse que os deputados têm a obrigação de explicar a ausência da RGA da Lei Orçamentária de 2016.

 

“Queremos ouvir os deputados sobre isso. Quem viu o vídeo do secretário Bussiki falando a respeito disso, fica nítido que ele disse que os parlamentares também tem responsabilidade nisso. No mínimo, nós servidores públicos merecemos uma explicação”, disse o sindicalista.

 

 

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira (6), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB), rebateu as declarações do secretário, chamando-o de “irresponsável”. Bussiki será chamado pelos parlamentares para prestar esclarecimentos sobre suas declarações.

 

“A  Assembleia não tem essa prerrogativa de mexer na RGA dos servidores. Acho que tem uma série de discussões muito complicadas a serem debatidas sobre o orçamento. Foi a primeira vez que o orçamento veio com teto máximo. Acho que houve um déficit no custeio do Estado, inclusive várias secretarias estão tendo dificuldade de orçamento. Jogar o problema pra Assembleia, acho uma irresponsabilidade”, disse Maluf.

Alan Cosme / HiperNotícias

Servidores na Assembleia Legislativa

 

GCom-MT

jose bussiki

Bussiki diz que foi mal interpretado e não vê crise institucional

Já José Bussiki afirmou que as suas declarações em uma reunião com o Fórum Sindical, gravadas e divulgadas nesta semana, foram mal interpretadas. “Eu explicava que um dos princípios fiscais é garantir que a despesa não seja maior que o orçamento. E como não havia recursos, a LOA não trouxe a RGA”, defende-se.

 

Apesar da receptividade negativa na Assembleia, Bussiki não vê gravidade na situação e descarta uma crise institucional. “As instituições são maduras. Não tem motivo para transformar isso em um campo de batalha, em uma crise institucional. Não vejo essa gravidade toda”, avalia. 

 

Os sindicalistas disseram que não sairão da Assembleia até que os deputados expliquem toda celeuma sobre a ausência da RGA na LOA.

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

alexandre 07/06/2016

O Governo mandou a LOA 2016 sem o RGA e os deputados engoliram, o certo é cortar investimento e despesa corrente, pois o grupo folha tem prioridade pra orçamento e financeiro, o Dep. Pinheiro descobriu, quis consertar através de projeto de lei, MAS FOI DERRUBADO PELA BASE DO GOVERNO por ordem do GOVERNADOR e deixou todo mundo sem RGA, hoje alega que não tem previsão mas foi o próprio governo que retirou o RGA da LOA e deu os 455 milhoes de saldo aos Poderes, foi de caso pensado, por isso a greve não vai parar... tem recursos, reduza os duodecimos em 2016, taxem os favaros, refaçam a LDO e paguem parcelado, não teremos RGA por dois anos se recuar agora....

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros