Quarta-feira, 19 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,84
libra R$ 5,84

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,84
libra R$ 5,84

Política Segunda-feira, 13 de Maio de 2024, 18:33 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 13 de Maio de 2024, 18h:33 - A | A

COMISSÃO PROCESSANTE

Dois ex-secretários da Saúde serão reintimados e Câmara estuda condução coercitiva

Célio Rodrigues e Milton Corrêa serão ouvidos antes de 5 de junho quando parecer da investigação contra Emanuel Pinheiro será entre à presidência do Legislativo

CAMILA RIBEIRO
Da Redação

A Comissão Processante da Câmara de Cuiabá aprovou por unanimidade, nesta segunda-feira (13), a reintimação dos ex-secretários de Saúde de Cuiabá, Célio Rodrigues da Silva e Milton Corrêa da Costa Neto. Eles estão entre as testemunas de defesa do processo que investiga o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) por supostos desvios na Saúde. O vereador Dilemário Alencar (União Brasil) apresentou requerimento oral para que seja feita a condução coercitiva de Célio e Milton. O presidente da Comissão, Wilson Kero Kero (PMB), orientou Dilemário a formalizar o pedido para que seja votado na próxima sessão ordinária do grupo de trabalho, nesta quarta-feira (15). 

LEIA MAIS: Ex-secretários da Saúde de Cuiabá negam participação em oitivas de Comissão Processante

"Quero fazer um requerimento oral, visto o desrespeito de Milton e Célio, que foram antecipadamente avisados. Eles não poderiam em hipótese alguma apresentrar desculpas esfarradas. Quero fazer um requerimento que seja expedido uma condução coercitiva para esses dois sujeitos, pois estão zombando do povo de Cuiabá", falou Dilemário Alencar. 

Kero Kero explicou ao HNT que as duas testemunhas foram intimadas e justificaram estar fora da cidade. O advogado de Célio, inclusive, enviou solicitação à Comissão para que os autos sejam repassados ao ex-secretário antes que ele seja reintimado. Dilemário rechaçou as ausências.  

"Se não vem de forma educada como a Comissão Procesante fez, que use as prerrogativas da Comissão e delibere pela condução coercitva", asseverou Dilemário.

O relator Rogério Varanda concordou com Dilemário, porém, destacou que o único prejudicado com as faltas às oitivas é o prefeito, por convocar testemunhas que não estão comprometidas em elucidar o caso. 

"Até concordo com o senhor com a medida, mas eles são testemunhas de defesa do prefeito. A nossa missão aqui como Comissão Processante é ouvir. Quem tem maior interesse que essas pessoas venham aqui é quem os arrolou como testemunha. Nós fizemos a primeira intimação e falaram que não estavam na cidade. Vamos intimá-los mais uma vez e temos que caminhar o quanto mais rápido melhor e para isso que temos aqueles dias a mais depois do dia 22 de maio", declarou Rogério Varanda.

Após apresentado, o requerimento de Dilemário será submetido à Procuradoria da Câmara para esclarecer se a Comissão Processante tem essa jurisprudência ou terá que ser formalizado um pedido na Justiça. O que ficou acertado entre os pares é que não haverá ampliação do prazo. Os dois ex-secretários serão sim reintimados, mas devem prestar depoimento antes de 5 de junho, ou o parecer será expedido sem os os esclarecimentos de Célio e Milton. 

"Dilemário, faça por escrito esse requerimento para que possamos deliberar, vamos ouvir a Procuradoria e, tendo os argumentos, deliberamos na próxima quarta-feira", encerrou Kero Kero. 

VEJA VÍDEO

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros