Sábado, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Polícia Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 16:46 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 10 de Junho de 2024, 16h:46 - A | A

SOFREU QUEIMADURAS

Homem tenta matar companheira explodindo botijão de gás dentro de casa

Vítima foi socorrida por um amigo, que recebeu o pedido de socorro dela e ouviu as ameaças e a explosão; vítima foi encaminhada a uma unidade de saúde, mas não há informações atualizadas sobre seu estado de saúde

SABRINA VENTRESQUI
Da Redação

Um homem, que não teve a identidade divulgada, explodiu um botijão de gás propositalmente, na tentativa de matar a companheira de 24 anos. O caso foi registrado na noite deste domingo (9), em Nova Ubiratã (427 km de Cuiabá). A jovem foi socorrida com queimaduras pelo corpo e encaminhada a um hospital da região. Um idoso de 82 anos também ficou ferido.

Informações do boletim de ocorrência dão conta de que uma testemunha acionou a Polícia Militar depois que a vítima ligou para o comunicante pedindo ajuda e, em seguida, enviou sua localização através de um aplicativo de conversas. O rapaz narrou que na ligação conseguiu ouvir o suspeito fazendo ameaças de morte à vítima, um barulho de faca sendo arrastada e o gás sendo liberado do botijão. 

Quando o amigo dela chegou à residência, situada num conjunto de quitinetes, testemunhou a explosão da casa e viu o suspeito fugindo do local. Imediatamente, o rapaz socorreu a amiga, que estava com queimaduras na pele e gritando de dor. 

Ele a levou para um hospital do município, mas não há informações atualizadas sobre seu estado de saúde. No documento policial, consta que um idoso, de 82 anos, também ficou ferido. No entanto, não há detalhes sobre a gravidade dos ferimentos ou sua relação com a vítima ou com o suspeito.

O suspeito foi levado para uma unidade de saúde por populares, mas também não há informações sobre seu estado de saúde.

Um boletim de ocorrência foi lavrado e entregue à Polícia Civil, que assume as investigações do caso. 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros