Terça-feira, 18 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

Cuiabanália Sábado, 11 de Maio de 2024, 14:36 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 11 de Maio de 2024, 14h:36 - A | A

RENAISSANCE WORLD TOUR

Há um ano Beyoncé voltava aos palcos e fã cuiabano que foi ao show diz que viveria tudo de novo

Leonardo Prado mora em Cuiabá e foi para Nova Jersey (EUA) para assistir dois shows da cantora

JOLISMAR BRUNO
Da Redação

Há exatamente um ano, a cantora e compositora norte-americana Beyoncé, ou “Queen Be”, como é conhecida entre os fãs, retornava aos palcos com a "Renaissance World Tour ". A turnê mundial recebe o nome do sétimo álbum de estúdio da cantora. Com fãs espalhados por todo mundo, como em Cuiabá, o advogado Leonardo Prado, de 28 anos, relembrou para reportagem do HNT a experiência que foi vivenciar o show da ídola e afirmou que viveria tudo novamente.

Leonardo mora em Cuiabá e foi para Nova Jersey, nos Estados Unidos, para assistir dois shows da cantora que ocorreram durante a turnê.

“Viveria, claro! Inclusive queria viver na turnê do Cowboy Carter, mas não sabemos se vai ter. Super viveria, porque é uma experiência fora de base. Para quem é fã, assistir um show fora do Brasil é uma experiência diferente, mas também é complicado por causa de apertos”, contou Leornado. A turnê ocorreu entre maio e setembro de 2023 e não teve passagem pelo Brasil, o que fez uma legião de fãs brasileiros ir para o exterior assistir aos shows.

Cowboy Carter, como mencionado por Leonardo, já é o mais novo álbum de Beyoncé, lançado em 2024. Ainda no álbum Renaissance, Beyoncé buscou influências da música negra, tanto que o título do disco remete ao Harlem Renaissance, movimento de valorização da cultura afro-americana que surgiu na década de 1920, nos Estados Unidos. Ela renasce musicalmente com um trabalho de músicas dançantes e sensuais.

Arquivo pessoal

Beyoncé

 

Ao HNT, Leornado contou que percebeu que, na turnê de retorno aos palcos, Beyoncé estava “sendo ela”, sem se preocupar com pressões. Algo muito comum para as divas do pop que sofrem críticas da indústria musical e muitas vezes dos próprios fãs. Além disso, ele contou que ficou surpreso com a estrutura e o momento favorito de um dos shows que assistiu, em Nova Jersey, foi quando Beyoncé olhou para ele enquanto cantava sua música preferida do álbum, a faixa Break My Soul. 

“Viver o show foi indescritível, muito surreal. Faltam palavras e, até hoje, não consigo descrever tudo o que aconteceu. Mas foi muito legal participar de uma turnê de retorno. Foi uma turnê incrível porque nós fãs percebemos o quanto ela estava sendo feliz e sendo ela, se despindo de diversas pressões que a indústria [musical] colocava. Um espetáculo para qualquer pessoa”, contou. 

Arquivo pessoal

Beyoncé

 

“Era bizarra a estrutura do show. O tamanho do palco, do telão, a potência do som, me impressionou muito. Luz, dançarinos, efeitos especiais. É um espetáculo, a maior estrutura que já vi na minha vida. A parte do show que mais gostei foi a parte de Break My Soul, música que já gosto muito, mas em especial que é uma parte que ela anda por toda a passarela [palco]. Ela passou a, sei lá, 5 metros de mim e deu uma olhada. Dá para ver no vídeo o olho dela indo diretamente para mim (sic)”, completou. 

Se não tivesse vídeo, ninguém acreditava. Leonardo compartilhou em sua rede social o momento exato em que Beyoncé olha para ele durante o show. "Há uns 15 anos, eu vi a capa de um DVD, com uma mulher de cabelo cacheado, segurando uma bola de disco, era o DVD The Beyonce Experience Live, tive o contato com o ele na casa da tia Tereza, gostei tanto que acabei pedindo ele emprestado [...] depois disso, tudo mudou. Eu não parava de ver aquele DVD, eu sei não só as músicas, como todas as falas, eu amo aquele DVD, ver aquela cantora (com uma técnica vocal impecável), com dança, com beleza, com performance, com tudo, literalmente, me deixou extremamente apaixonado".

"E assim eu segui. Depois daquele DVD, comecei a procurar na feira do CPA IV, todo e qualquer DVD/CD da Beyonce, até que achei aquele famoso que tinha toda videografia dela, desde as DC, e ali eu confirmei: era essa a artista da minha vida!", descreveu em um relato na publicação de como conheceu a cantora. 

 VEJA VÍDEO 

Apesar de não vir para o Brasil com a turnê Renaissance World Tour, Beyoncé esteve em Salvador (BA) neste ano para divulgar o lançamento do  documentário, que recebe o mesmo nome do álbum e que revela os bastidores de toda a preparação para a turnê e os shows que ocorreram na Europa.

Agora, Leonardo espera que Beyoncé também saia em turnê com seu mais novo trabalho, o Cowboy Carter. Contudo, até o momento, não há nenhuma especulação sobre a turnê, nem mesmo de shows da cantora aqui no Brasil, onde ela possui milhares de fãs. 

LEIA MAIS: Cantora Beyoncé chega no Brasil e participa de festa em Salvador

BEYONCÉ GISELLE KNOWLES CARTER

Beyoncé retornou aos palcos após alguns anos de pausa, ocasionada também pela pandemia covid-19. Seu primeiro show de retorno ocorreu no início do ano passado, em um hotel de luxo de Dubai. Segundo o site especializado TMZ, a cantora recebeu US$ 24 milhões, cerca de R$ 125,5 milhões pela apresentação. Em seguida, deu start à turnê mundial.  

A cantora é casada com o rapper americano Jay-Z há 15 anos. Ela iniciou carreira artística muito cedo no meio musical, integrando o grupo feminino Destiny's Child e somente em 2003 começou trajetória solo, com o álbum Dangerously In Love, tendo a canção Crazy In Love como um dos maiores sucessos até a atualidade. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros