Sábado, 25 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

Cidades Terça-feira, 05 de Abril de 2016, 08:43 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 05 de Abril de 2016, 08h:43 - A | A

TIRO NO ABDÔMEN

Preso por agressão, homem sai da cadeia e mata esposa na frente dos filhos

REDAÇÃO

Mais um assassinato foi registrado na região de Sinop na manhã desta terça-feira (05). O crime aconteceu no município de Santa Carmem (613km de Cuiabá). Uma mulher de 32 anos, identificada como Lucivania Maria da Silva, foi executada a tiros pelo próprio marido.

Marcos Lopes/HiperNotícias

tiroteio/polícia/policia/motel

 

Ao site Nortão Notícias, um policial militar contou que a polícia recebeu o chamado por volta de 5h50. Ao chegarem ao local, o irmão do suspeito informou que estavam todos na área da casa, esperando o caminhão da empresa passar para irem trabalhar, quando ouviu um barulho de disparo de arma de fogo. Depois outros dois tiros foram efetuados.

“Quando ele [irmão do suspeito] entrou na casa, viu “Zé Maria” com uma arma na mão e a esposa caída com um tiro no abdômen. Em seguida o suspeito efetuou outro tiro e caiu, mas levantou e saiu correndo”, relatou o policial.

 

A testemunha chegou a correr atrás do acusado, mas não conseguiu alcançá-lo e desistiu. A vítima tem um casal de filhos e o crime foi cometido na frente deles.

 

Uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) de Sinop esteve na cena do crime para coletar as as informações necessárias e, em seguida, removeu o corpo ao Instituto Médico Legal (IML), para realização dos exames de necropsias.

Várias equipes da Polícia Militar e da Polícia Judiciária Civil (PJC) de Sinop e de Santa Carmem fazem rondas na cidade com o intuito de localizar o suspeito.

 

ANTECEDENTES
Segundo o mesmo policial, o suspeito foi preso na semana passada, acusado de agressão contra a própria mulher (assassinada hoje) e enquadrado na Lei Maria da Penha. Ele permaneceu detido na Penitenciária Osvaldo Florentino Leite Ferreira – O Ferrugem  por alguns dias e depois foi liberado, no último sábado (03). Com isso, retornou a Santa Carmem e começou a morar com parentes.

 

“Estava tudo tranquilo, o irmão dele disse, e de repente hoje pela manhã cometeu o crime”, confirmou o policial.


As autoridades ainda não sabem o que motivou o crime ou se a prisão da semana passada tem envolvimento. O suspeito foi identificado como José Maria Soares e tem idade entre 40 e 43 anos.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros