Sábado, 25 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

Cidades Sexta-feira, 15 de Julho de 2016, 10:32 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 15 de Julho de 2016, 10h:32 - A | A

SETE HOMICÍDIO

Membro de organização criminosa é preso pelo GCCO no Pedra 90

REDAÇÃO

A Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) prendeu mais um integrante  da organização criminosa, investigada em vários crimes contra o patrimônio (roubos/furtos residência, comércio e veículos), homicídios consumados e tentados, roubos de armas e munições, que resultou na operação “Campo Minado”, deflagrada no dia 18 de fevereiro deste ano.

 

PJC/Assessoria

Gcco

 

O suspeito, Janderson Vinicius Almeida da Cruz, é apontado como soldado da organização e praticava crimes a mando dos líderes criminosos. Ele foi preso no bairro Pedra 90, na tarde de quinta-feira (14.07), depois de várias tentativas de localizá-lo.

 

A ação, que esteve inserida na operação Carga Máxima, teve 23 mandados de prisão e 19 buscas e apreensão, expedidas pela Vara do Crime Organizado da capital, dos quais 20 das ordens de prisão foram cumpridas na ocasião.

 

Sete homicídios e duas tentativas são atribuídos a membros da quadrilha. Os assassinatos foram cometidos entre os meses de novembro a dezembro de 2015.

 

Ao longo de seis meses de investigações, dez pessoas foram presas em flagrante, por crimes cometidos nas duas cidades e apreendidos 79 quilos de entorpecentes, três armas de fogo e 7  veículos.

 

O preso tem passagem por tráfico de drogas e será encaminhado para uma unidade prisional da capital.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros