Sexta-feira, 12 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

Cidades Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2022, 11:24 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2022, 11h:24 - A | A

DISPUTA NO CATAR

Copa do Mundo se despede com streaming em alta e recordes online

REDAÇÃO

Reprodução

ARTIGO COPA

 

A disputa do Mundial no Catar foi considerada um sucesso de audiência, e não apenas na TV, onde a Rede Globo foi responsável pela transmissão, mas também na internet. O streaming foi amplamente usado, e o canal Cazé TV no YouTube bateu alguns recordes com milhões de espectadores simultâneos. Foi uma prova do potencial que a cobertura esportiva tem ao se unir com as transmissões ao vivo. O futuro promete ainda mais ações neste formato, abrindo espaço para conteúdos 100% online e fora dos canais tradicionais.

Referência no mundo do streaming, principalmente na plataforma da Twitch TV, Casimiro Miguel conseguiu um acordo para transmitir também a Copa do Mundo de 2022. Ele criou um canal no YouTube, chamado Cazé TV, e cobriu 22 jogos usando a transmissão oficial da Fifa Plus, serviço também de streaming da entidade máxima do futebol. O resultado, após o final da competição, é um sucesso absoluto. A transmissão quebrou vários recordes no site de compartilhamento de vídeo da Google, e entrou para a história.

Na eliminação do Brasil para a Croácia, nas quartas de final, a transmissão da Cazé TV superou os 6 milhões de espectadores. Um número inédito que desbancou outras lives do próprio canal na Copa do Mundo. Agora, as três mais populares do YouTube são dos jogos da Seleção Brasileira na competição. Infelizmente, com a eliminação precoce, ficou aberto o potencial de audiência em uma final. Algo que pode acontecer em 2026, quando o streaming estiver ainda mais consolidado.

Afinal, nos últimos anos, essa tecnologia teve um grande salto. Nas plataformas de jogos, por exemplo, está sendo usado para transmitir mesas de blackjack online nos sites de cassino. Essas plataformas possuem uma variedade de jogos, e algumas delas com dealers e transmissões reais. O objetivo é oferecer uma experiência mais dinâmica, algo que só foi possível com a evolução do streaming. Atualmente, é difícil imaginar um cassino online sem a opção de jogos ao vivo, seja o blackjack ou qualquer outro.

Potencial no esporte

O maior legado dessa Copa do Mundo deve ser na transmissão, mostrando que os eventos esportivos merecem mais espaço no universo do streaming. A Fifa fez isso ao criar uma plataforma que cobriu todo o torneio, e também ao permitir a cobertura de um canal no YouTube. Os números de audiência se mostraram promissores, com potencial de mais recordes quebrados no futuro.

Existem várias competições com potencial para transmissões maiores, como as Olimpíadas, mas existem muitas negociações nos bastidores para isso acontecer. O Mundial no Catar pode ter sido o evento que mostrou todo o potencial, principalmente aqui no Brasil, que costuma parar nos dias de jogos da seleção. Outros países, seja na Europa ou na Ásia, também estão de olho nesta tendência, mas os números daqui foram mais expressivos.

Ainda é cedo para saber o futuro dessas transmissões, inclusive do canal Cazé TV, porém o potencial existe. Em poucas semanas de Copa do Mundo, foram mais de 5 milhões de inscritos. Não aproveitar todo esse público, podendo até montar uma estrutura de conteúdo, é um desperdício. Quem sabe outros eventos em 2023, como a Fórmula 1 ou jogos de futebol, não ganhem mais espaço no YouTube. É o legado deixado pela disputa no Catar.


Redes sociais e as lives

Não foi apenas o YouTube que chamou a atenção do público no Mundial, mas também as redes sociais. As lives invadiram a internet, principalmente com o TikTok, que transmitiu os jogos da Copa do Mundo na China, como aconteceu aqui na Cazé TV. Isso mostra que a transmissão ao vivo pode ser usada de diferentes maneiras em um evento esportivo, e não apenas com a cobertura de jogos. São dinâmicas que nem a TV tradicional consegue acompanhar.

A Rede Globo percebeu isso e começou a investir nas redes sociais para atrair um público maior. Além de cobrir na TV aberta e com o canal SporTV, também houve uma cobertura exclusiva na Globoplay com muita interação no Instagram, no Twitter e em outras mídias. É a adaptação necessária.

Nos últimos anos, a internet causou grande impacto em setores distintos, e isso se repetiu na Copa do Mundo, com a Cazé TV e o streaming oficial da Fifa mostrando que a cobertura esportiva está mudando. A interatividade e a informalidade do mundo digital está cativando o público, sobretudo os fãs de esportes.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros