Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

Política Terça-feira, 09 de Julho de 2024, 09:49 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 09 de Julho de 2024, 09h:49 - A | A

NEGOU PRESSÃO

Pivetta endossa consenso do Republicanos por Sandrin a vice de Botelho: "liderança madura"

Mesmo aprovando o médico no palanque, o vice-governador disse ser favorável que a escolha parta do pré-candidato à Prefeitura de Cuiabá

CAMILA RIBEIRO
Da Redação

O vice-governador de Mato Grosso, Otaviano Pivetta (Republicanos), endossou o consenso do diretório do partido em Cuiabá pela indicação do médico Marcelo Sandrin (Republicanos) a vice do presidente da Assembleia Legislativa (ALMT) e pré-candidato à prefeitura, Eduardo Botelho (União Brasil). Pivetta avalia Sandrin como um "liderança madura", com serviços prestados na capital e estado. Porém, mesmo aprovando o médico no palanque, o vice-governador disse ser favorável que a escolha parta do pré-candidato e não por pressão partidária. 

"O Marcelo Sandrin é uma pessoa que tem uma folha de serviços prestados muito grande para Cuiabá e Mato Grosso. Ele é um liderança madura, um profissional de alto gabarito e é bom ver esse movimento dele querendo participar da política. A política precisa de bons quadros, de pessoas que tenham o que entregar para a sociedade e ele é um desses", afirmou Otaviano Pivetta à imprensa neste sábado (6). 

LEIA MAIS: Seis são ventilados como possíveis vices na chapa de Botelho; veja perfis

Uma reunião no diretório do Republicanos na última semana fechou a maioria por Marcelo Sandrin. O médico disputou a indicação da sigla com o empresário o José Wenceslau (Republicanos), o Júnior da Verdão, e a vereadora Maysa Leão (Republicanos), que acabou recuando para se voltar à pré-campanha pela reeleição. Sandrin ganhou mais musculatura política ao ser convidado por Botelho para integrar a equipe de técnicos que organiza as propostas à saúde do seu plano de governo.

Diferente do presidente do diretório municipal, o vereador Eduardo Magalhães (Republicanos), Otaviano Pivetta acredita que a decisão do vice deva ser uma escolha de Eduardo Botelho. Ele negou usar de influência para convencer o governador Mauro Mendes (Republicanos) a chancelar a indicação do seu partido. 

"Não. O partido sabe da minha posição. Cabe ao candidato ver o que é melhor pra ele disputar a eleição e também para administrar. O Boltelho já me falou muito bem do doutor Marcelo Sandrin, mas eu não vou pressionar. Da minha parte, nunca existiu (pressão). O meu jeito de fazer política não é através de pressão. Nós vamos apoiar e tentar aliviar ao máximo possível em uma eventual campanha à eleição", finalizou. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros