Política Segunda-feira, 04 de Julho de 2011, 17:43 - A | A

Segunda-feira, 04 de Julho de 2011, 17h:43 - A | A

BRASÍLIA

Blairo defende Luiz Pagot e não acredita na demissão de ministro

Senador fala a jornalistas antes de se reunir com Alfredo Nascimento, em Brasília

O GLOBO

José Cruz
Senador republicano não acredita que ministro saia do cargo

Ao chegar ao Ministério dos Transportes para uma reunião com o ministro Alfredo Nascimento, o senador Blairo Maggi (PR-MT) disse que a presidente Dilma Rousseff já manifestou seu apoio ao ministro e aproveitou para sair em defesa de Luiz Antonio Pagot, afastado do comando do Dnit. Maggi disse que conversou nesta segunda-feira com Pagot e que ele manifestou desejo de pedir demissão do cargo porque não concorda com seu afastamento temporário.

O senador, que indicou Pagot para o cargo, disse que aconselhou o amigo a tirar uma licença ou mesmo férias até que as investigações estejam concluídas. Segundo Blairo Maggi, Pagot informou que a Controladoria Geral da União (CGU) tem técnicos que trabalham dentro do Dnit e que acompanham toda as decisões do órgão sobre as obras.

"O ministro Alfredo Nascimento tem apoio do partido e hoje recebeu apoio da presidente Dilma. Estive conversando com Pagot e ele me disse que da parte dele está disposto a prestar qualquer esclarecimento sobre os fatos. Ele me disse ainda que a CGU tem uma sala com cinco analistas no Dnit. E que as decisões do Dnit têm o acompanhamento da CGU. O Pagot está na seguinte situação: não deve, não teme e se for para ser afastado prefere ser exonerado", disse Blairo Maggi.

O senador negou ainda a existência de brigas internas no partido. Ele não acredita que o PR terá sua relação com o governo estremecida caso haja Alfredo Nascimento saia do cargo.

"Não creio que isso vai acontecer. A presidente já deu declarações de apoio ao ministro, mas quem manda é a presidente, e não vejo esse conflito interno."

 

 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros