Economia Sábado, 03 de Dezembro de 2011, 17:15 - A | A

Sábado, 03 de Dezembro de 2011, 17h:15 - A | A

IRREGULARIDADES

Ministério Público do Trabalho investiga situação de funcionários da Chevron

A petrolífera já se manifestou e disse que todos os trabalhadores estão em condições legais

AGÊNCIA BRASIL

Rogério Santana/Divulgação

O Ministério Público do Trabalho (MPT) abriu duas investigações contra a petrolífera
O Ministério Público do Trabalho (MPT) no Rio de Janeiro decidiu investigar as condições trabalhistas e de segurança dos funcionários da petrolífera Chevron. Em nota divulgada na sexta-feira (2), o MPT informou que abriu duas investigações para apurar a segurança e a legalidade da contratação dos empregados na plataforma da empresa no Campo de Frade.

O procedimento vai investigar as condições de saúde e segurança dos trabalhadores, após denúncia da Agência Nacional do Petróleo (ANP) de existência de gás sulfídrico no local, sem as devidas precauções.

Sobre a possível contratação irregular de trabalhadores, que não teriam autorização para atuar no país, o MPT investigará a legalidade do processo.

A Chevron já se manifestou anteriormente sobre o assunto, assegurando que os trabalhadores contratados estavam em condições legais. Em nota divulgada ontem, referente ao acúmulo de gás sulfídrico, a empresa disse que monitora regularmente as condições de segurança nas plataformas.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

 

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros