Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Cidades Segunda-feira, 04 de Abril de 2016, 15:27 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 04 de Abril de 2016, 15h:27 - A | A

TARADÃO DA MADRUGADA

Morador de rua é preso após tentar estuprar mulher pela segunda vez

MAX AGUIAR

Um morador de rua foi preso em flagrante após invadir, na madrugada desta segunda-feira (4), a casa de uma moradora do bairro Jardim Petrópolis, em Cuiabá, e tentar estuprá-la. O homem chegou a fugir, mas acabou sendo detido pela Polícia Militar ainda nas proximidades.

 

De acordo com a vítima, o morador de rua já havia invadido a sua casa e tentado estuprá-la na noite de sábado (2). Nesta madrugada, ao acordar ouvindo barulhos nos fundos da residência, ela encontrou com o homem sem nenhuma roupa.

 

Assustada, a mulher gritou pedindo ajuda para os vizinhos e o homem pulou o muro e fugiu correndo. A Polícia Militar foi acionada e uma guarnição da base de segurança do Boa Esperança fez rondas na região. Carlos Eduardo Fortes da Silva, 48 anos, estava usando uma calça ao lado avesso quando foi preso. 

 

Diante dos fatos, o homem foi algemado e encaminhado à 2ª Delegacia do Carumbé para prestar esclarecimentos ao delegado plantonista. A vítima, que também foi até a delegacia, confirmou que ele foi o homem que invadiu a casa.

 

O suspeito foi autuado pelo crime e permaneceu detido durante toda a madrugada. O morador de rua será encaminhado a uma audiência de custódia, que irá definir se ele será transferido para um presídio de Cuiabá ou responderá o processo em liberdade. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros