Terça-feira, 18 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,83
libra R$ 5,83

Cidades Domingo, 26 de Maio de 2024, 15:19 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Domingo, 26 de Maio de 2024, 15h:19 - A | A

ATÉ 16ºC PREVISTOS

Frio expõe ao risco pessoas em vulnerabilidade social e moradores em situação de rua em Cuiabá

Mato Grosso tem 2.531 pessoas em situação de rua e 999 dessas pessoas estão na Capital; aumento foi de 196% nos últimos 7 anos

JOLISMAR BRUNO
Da Redação

O frio expõe ao risco pessoas em vulnerabilidade social e moradores em situação de rua de Cuiabá, em razão das baixas temperaturas, da falta de roupas próprias para a estação ou mesmo de um lar. Dados do Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania revelam que Mato Grosso tem 2.531 pessoas em situação de rua e 999 delas estão em Cuiabá. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para quedas severas nas temperaturas, entre 3°C e 5° C abaixo da média, nos próximos dias, podendo registrar 16ºC na Capital, chama a atenção para o cuidados com os mais necessitados. 

LEIA MAIS: último fim de semana de maio terá queda nas temperaturas em Cuiabá e região

Ao percorrer a região central de Cuiabá, é notável a presença de inúmeras pessoas em situação de rua. Alguns improvisam pequenos barracos com pedaços de pano, lonas e restos de papelão para se proteger dos ventos. A reportagem do HNT esteve no local e presenciou a situação. 

Estas cenas podem ser observadas na região da Ilha da Banana, entre a igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito e o Morro do Luz, onde existem alguns restos de construções. No entorno, também é possível observar as “casas” improvisadas dos sem-tetos.

Conforme os dados no Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania, Mato Grosso teve um aumento de 196% no número de pessoas em situação de rua entre 2016 e 2023. O Estado passou de 855 para 2.531 de moradores de rua, dos quais 999 estão em Cuiabá. A segunda cidade com mais pessoas em situação de rua é Rondonópolis, a 217 quilômetros de Cuiabá, com 405 pessoas registradas. 

AJUDA AOS NECESSITADOS

A reportagem procurou a Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadadia (Setasc) e foi informada de que de 2019 a maio de 2024, foram entregues mais de 587 mil cobertores às pessoas carentes e em situação de vulnerabilidade social, um investimento de R$ 21.878.403 por meio do programa Ser Família Aconchego. Somente em Cuiabá, foram distribuídos mais de 82 mil cobertores.

Além disso, a Setasc ainda destacou que o Restaurante Prato Popular, em Cuiabá, serve refeições para a população em vulnerabilidade ao valor de R$ 1. O local é administrado pela pasta. Reforçou ainda que realiza a distribuição de marmitas gratuitamente à população em situação de rua de Cuiabá durante a noite. 

Já a Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, divulgou que também realiza a distribuição de cobertores para a população de rua. Além disso, distribui marmitas aos vulneráveis em diveros pontos da cidade.

Cabe destacar que diversas Organizações Não Governamentais (ONG), igrejas e centros espiritas também realizam distribuição de alimentos para essa parcela da popualçao de Cuiabá.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros