Sábado, 25 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

Cidades Domingo, 21 de Agosto de 2016, 09:37 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Domingo, 21 de Agosto de 2016, 09h:37 - A | A

DETENÇÃO

Foragido do presídio de Rondônia é preso pela Polícia Civil em Primavera do Leste

REDAÇÃO

A Delegacia de Homicídios e Delitos Gerais de Primavera do Leste (231 km ao Sul) prendeu em flagrante os suspeitos Josimar Alves da Silva e Ricardo Rodrigues, pelos crimes de associação criminosa, posse ilegal de arma de fogo e munições, além de uso de documento falso.

 

PJC

POLÍCIA

 

A ação policial aconteceu no centro de Primavera do Leste, no inicio de sexta-feira (19) e teve relação com o desenrolar de uma investigação de homicídio ocorrido neste mês. Os suspeitos já vinham sendo monitorados pela delegacia desde o dia 07 de agosto quando foi encontrado o corpo de Muller Antunes Moura, às margens de uma estrada da zonal rural. A vítima estava desaparecida desde o dia 04.

 

 Naquela ocasião, a Policia Civil foi comunicada que havia uma camionete Hilux de cor branca dentro de uma mata, na estrada de acesso a Colônia Russa, e ao proceder em diligencias, constatou os fatos, bem como, a existência de grande quantidade de sangue no interior do veiculo.

 

Após o encontro do cadáver, diversas pessoas passaram a ser ouvidas e procuradas pela Polícia Civil, dentre elas, a ultima pessoa a estar com a vitima no dia 04, Josimar, que até então apresentava-se com o nome falso de João Carlos Cavalcante da Silva. O suspeito apresentou um documento de identidade pessoal aparentemente molhado em máquina de lavar, dificultando a visualização dos dados.

 

Desconfiados da procedência do documento, policiais civis passaram a investiga-lo e descobriram a real identidade do suspeito, que era foragido de um presídio de segurança máxima da cidade de Ji-parana, Rondônia.

 

Josimar responde a processos no Estado vizinho pela prática de homicídios, dentre deles, o da vitima Edson Gasparoto, presidente da Câmara Municipal e ainda de um empresário daquela cidade.

 

Em Primavera, a vítima Muller morava na cidade a cerca de 3 meses e também era foragida recente de uma unidade prisional de Itumbiara, Goiás,  onde estava preso por homicídio. Ele usava o nome falso de Leandro Muller Rosa Souza. Seu circulo de “amizade” incluía Josimar e Ricardo.

 

O delegado responsável pelo caso, Rafael Sippel Fossari, coordenou os trabalhos e esclareceu que o trabalho investigativo esta no início e indica que há muito ainda a ser descoberto, especialmente o vínculo entre os criminosos, a vítima e outros infratores da cidade.

 

A prisão dos suspeitos foi possível com a vigilância constante dos investigados, que contou também com a coordenação do delegado adjunto Raphael Diniz Garcia.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros