Cidades Quarta-feira, 31 de Agosto de 2011, 15:00 - A | A

Quarta-feira, 31 de Agosto de 2011, 15h:00 - A | A

ADOÇÃO & PROMOÇÃO

Coca-Cola 'adota' Praça Alencastro, mas em troca coloca sua marca

Multinacional está há dois meses negociando com a Prefeitura sobre a possibilidade de espalhar a sua logo também em outros locais

 

Mayke Toscano/Hipernotícias

Praça Alencastro deve ser adotada pela multinacional Coca-Cola; outras já estão na mira da empresa, também em Cuiabá

 

A Praça Alencastro, uma das mais conhecidas de Cuiabá, vai ser adotada pela Coca-Cola de Mato Grosso, em parceria com a Prefeitura da Capital. Conforme a parceria, a multinacional vai fazer reforma, revitalizá-la e ficar com a manutenção e em troca disso, colocar sua marca.

Não é somente a Alencastro que será “entregue” à multinacional de bebidas, aqui representada pelo Grupo Renosa, mas outras áreas de lazer também devem ser “incorporadas” à marca.

O secretário de Desenvolvimento Urbano, Silvio Fidelis, não quis falar sobre o assunto, mas indicou um assessor para detalhar a parceria com a Coca-Cola.

Um funcionário da Prefeitura, que trabalha na Secretaria de Desenvolvimento Urbano (pediu para não ter a identidade revelada), disse que a adoção ainda está em fase de estudo e que estão ajustando como a marca será inserida nas praças e durante quanto tempo a parceria vai continuar.

Em Cuiabá, existem 60 praças. Treze estão localizadas nas áreas centrais da cidade. A secretaria não revelou quantos locais de lazer a Coca-Cola está interessada em adotar, mas a que está na lista das principais é a Alencastro, localizada em frente à Prefeitura da cidade.

Questionado sobre a legalidade da parceria, o servidor disse que existe uma lei aprovada em 2004 pela Câmara dos Vereadores, que institui o programa “Adote uma Praça”.

De acordo com o servidor, a Prefeitura de Cuiabá não tem recursos suficientes para manter e revitalizar todas as praças. A adoção seria uma alternativa para mudar o cenário de abandono de muitos locais.

Na lei está observado que o adotante pode colocar propagandas nos bancos, painéis, placas de forma irrestrita, no qual o Poder Executivo pode até ceder mudas de árvores e plantas ornamentais para a empresa adotante.

ADOTE UMA PRAÇA

A lei “Adote uma praça” foi sancionada na gestão do Roberto França Auad. O objetivo da lei é estabelecer parceria entre empresas privadas, clubes de serviços, profissionais liberais, pessoas físicas e o município, visando à manutenção e ornamentação de praças e logradouros públicos.

OUTRAS PRAÇAS

Outra alternativa adotada pela prefeitura é medida para amenizar o alto impacto causado pelas grandes obras, para que mais benfeitorias possam ser feitas em praças da cidade. Esta alternativa obriga empreendimentos que geram grande lucro a fazer uma benfeitora para poderem adquirir “habite-se”, documento que regulamenta um imóvel para ser habitado ou utilizado no comércio.

Um dessas medidas foi aplicada na rede de supermercados Extra, que se instalou na Avenida Fernando Corrêa da Costa. Há intenso fluxo de pessoas passando pelo local. Em contrapartida a empresa teve que revitalizar a praça do bairro Jardim das Américas, que está em fase de finalização.

Outra medida que está sendo aplicada pela Prefeitura é sobre uma empresa que está construindo prédios próximos ao bairro Terra Nova. Para que a construtora tenha ordem de funcionamento deverá fazer a benfeitoria na praça do bairro Terra Nova.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros