Brasil Segunda-feira, 27 de Junho de 2011, 16:09 - A | A

Segunda-feira, 27 de Junho de 2011, 16h:09 - A | A

Governo prepara plano especial em aeroportos do país para julho

Entre as mudanças, está a possibilidade de que os principais aeroportos do país controlados pela Infraero forneçam internet gratuita para os usuários

DA FOLHA DE SÃO PAULO

A ministra Gleisi Hoffman (Casa Civil) anunciou nesta segunda-feira que o governo prepara um plano de contingência nos aeroportos do país para o mês de julho, período de intenso movimento por causa das férias.

A ministra informou ainda que o Palácio do Planalto espera que a partir de julho os principais aeroportos do país controlados pela Infraero forneçam internet gratuita para os usuários-- a promessa do serviço grátis já ocorreu no governo Lula.

"Queremos implementar em julho, se não no início, que ainda pegue parte das férias. A ideia é que [o serviço] esteja disponíveis nos principais aeroportos nesse primeiro momento, que tem mais usuários, e depois para todos".

Na tarde de hoje, a presidente Dilma Rousseff se reúne com o ministro Wagner Bittencourt (Secretaria de Aviação Civil) que vai coordenar o plano de trabalho para as férias. Segundo Gleisi, a presidente quer ações para melhorar o conforto dos passageiros, mas também espera compromissos das companhias áreas.

Das companhias, o Planalto espera a promessa de não ter overbooking (quando a empresa emite mais bilhetes do que os assentos disponíveis) nem o remanejamento dos voos comerciais para charter.

Também devem ser expandidos os centros de gerenciamento aeroportuário que funcionam nos terminais de Brasília e Guarulhos (SP) para Congonhas (SP), além dos dois aeroportos do Rio de Janeiro. Esses centros são responsáveis por avaliar a estrutura dos terminais.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros