Política Terça-feira, 12 de Abril de 2011, 15:23 - A | A

Terça-feira, 12 de Abril de 2011, 15h:23 - A | A

99,9% FECHADO

Riva e Daltro assinam manifesto de fundação do PSD na quarta

Decisão foi tomada em reunião com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, nesta segunda-feira. Eliene, Valdizete e Aluizio também participaram

KLEBER LIMA

 

Fablício Rodrigues/AL

O presidente da Assembléia Legislativa José Riva e o vice-governador Chico Daltro vão assinar na próxima quarta-feira (13), em Brasília, o Manifesto de fundação do Partido Social Democrático (PSD). A decisão foi tomada nesta segunda-feira, depois de reunião que acabou há poucos minutos entre um grupo de políticos mato-grossenses liderado por Riva e Daltro com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, na sede do governo paulistano.

“Recebemos o convite oficial do prefeito Kassab e a sinalização de que há espaço para nosso grupo. Foi uma reunião muito proveitosa”, disse Chico Daltro. “Decidimos que vamos assinar o manifesto de fundação do partido, o que não significa, ainda, filiação”, acrescentou Riva.

Também participaram da reunião o deputado federal Eliene Lima, secretário de ciência e Tecnologia de Mato Grosso; o ex-prefeito de Jaciara, Valdizete Nogueira; e o ex-presidente da União das Câmaras de Vereadores, Aluizio Lima.

Apesar dos cuidados de Riva e Chico, a reunião de hoje praticamente definiu a migração do grupo do PP para o PSD. Eles, todavia, querem que a decisão definitiva quanto a filiação – que só ocorreria de fato depois da fundação, em junho ou julho – seja tomada em reunião de todos os políticos que irão acompanhá-los.

“Não está cem por cento fechado. Tivemos o sinal verde do Kassab, decidimos assinar o manifesto, mas não seremos nós cinco aqui que decidiremos por todos. Vamos levar todos os pontos discutidos aqui para os que não vieram, para tomarmos a decisão em conjunto”, argumentou Riva.

Entre as questões que serão discutidas pelo grupo, a que mais preocupa é o fato de partido novo não ter direito a tempo de TV nas próximas eleições, já que o tempo é definido em função das bancadas eleitas na eleição de deputado federal no pleito imediatamente anterior.

Chico Daltro disse que a meta do PSD anunciada por Kassab é superar o piso legal de 500 mil assinaturas n Manifesto em todo o país para a fundação do novo partido. “O prefeito Kassab acha que é bem possível, e nós também”, salientou ele.

PORTA DA FRENTE

Daltro e Riva também afirmaram que irão conversar com Pedro Henry, presidente reigonal do PP de Mato Grosso, antes de anunciar a migração. "Não vamos sair do PP pela porta dos fundos. Tivemos uma boa convivência no partido, e devemos esse respeito aos companheiros que decidam ficar", disse Riva.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros