Terça-feira, 16 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,94
libra R$ 5,94

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,94
libra R$ 5,94

Política Terça-feira, 23 de Agosto de 2022, 20:21 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 23 de Agosto de 2022, 20h:21 - A | A

INELEGÍVEL POR OITO ANOS

Neri Geller diz que foi cassado injustamente por "ser produtor rural" e "vender soja e milho"

Neri Geller foi casado por decisão unânime do TSE que reconheceu a prática de abuso de poder econômico nas eleições de 2018

RAYNNA NICOLAS
Da Redação

Depois de ser cassado por decisão unânime do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o deputado federal Neri Geller (PP) afirmou, em nota, que a medida foi 'injusta' e que foi condenado 'por ser produtor rural' e 'vender soja e milho'. Para os Ministros do TSE, no entanto, ficou comprovado que Neri recorreu à prática de abuso de poder econômico nas eleições de 2018.

Em nota, o deputado, que pretende concorrer a uma vaga no Senado, ainda destacou que sua assessoria jurídica continuará trabalhando pelos meios judiciais cabíveis no caso. Além da perder o mandato, segundo a decisão do TSE, Geller deve ficar inelegível pelos próximos oito anos. 

A condenação levou em consideração indícios da prática de triangulação monetária entre Neri Geller e seu filho, Marcelo Geller. Segundo a denúncia, de setembro de 2018 a novembro do mesmo ano houve a movimentação de R$ 2,8 milhões entre pai e filho, justificadas por meio de documentos contábeis contraditórios. 

Originalmente, no entanto, a denúncia dizia respeito à extrapolação do limite de gastos eleitorais por doações feitas por Geller a outros candidatos. Entretanto, ficou comprovado que os gastos estavam dentro do parâmetro legal e, segundo o relator do processo no TSE, ministro Mauro Campbell, não houveram elementos que comprovassem a capitalização política das doações. 

LEIA NOTA NA ÍNTEGRA

NOTA OFICIAL

Sobre o julgamento do TSE, desta terça-feira (23.08), há que se declarar que:

- O deputado federal Neri Geller foi cassado injustamente e prova irrefutável disso foi a decisão em cima de um pedido que sequer fazia parte dos autos.

- Geller foi condenado por ser produtor rural, e por natureza intrínseca, vender soja e milho.

- A partir da decisão do TSE, a assessoria jurídica do parlamentar continuará trabalhando pelos meios judiciais cabíveis ao caso.

Assessoria
Neri Geller

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros