Sábado, 18 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Política Quarta-feira, 20 de Julho de 2016, 11:38 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 20 de Julho de 2016, 11h:38 - A | A

SEGURANÇA

Deputado destina recurso de emenda para construção de Vila Militar

REDAÇÃO

O deputado estadual Max Russi (PSB) destinou parte de sua emenda parlamentar para construção da primeira unidade habitacional da Vila Militar em Campo Verde. O recurso, na ordem de R$ 125 mil, que está sob análise da Secretaria de Cidades (Secid), foi solicitado pelo prefeito Fábio Schroeter.

 

Assessoria

Max russi

 

Conforme o projeto, a Vila Militar será construída em etapas e tende a se tornar um complexo que ofereça residência aos policiais civis, militares e bombeiros. O objetivo é auxiliar esses profissionais que, em razão do alto custo de vida e da incompatibilidade com o salário buscam a remoção para os municípios de origem ou com custo de vida mais acessível, tão logo concluam o estágio probatório.

 

“Precisamos valorizar o profissional de segurança pública e incentivar esses homens e mulheres a ficarem nos munícios mesmo após o estágio. O prefeito nos apresentou a ideia reconhecendo a inviabilidade financeira de se construir todo o complexo de uma vez e pediu nosso apoio para que busquemos concretizá-la em etapas. Assim, demos o primeiro passo”, explicou o parlamentar.

 

Projeto

A ser implantado em um terreno cedido pela Prefeitura de Campo Verde o complexo que abrigará a Vila Militar prevê a construção de 13 casas de 84,34m², compostas por sala, cozinha, dois dormitórios, banheiro, área de serviço e garagem, que serão cedidas ao policiais que venham para o município com suas famílias. Serão construídos ainda dois alojamentos, de 157,56 m², distribuídos em forma de quitinetes, com sala e cozinha conjugadas, dormitório, banheiro e área de serviço, com capacidade total para oito policiais solteiros.  

 

Há ainda a previsão de construção de espaço de lazer e de práticas esportivas para uso dos policiais. A unidades serão cedidas gratuitamente, onde cada morador pagará as despesas como luz e água, além de uma taxa de contribuição para manutenção e reparos necessários.

 

A implantação do complexo está estimada em cerca de R$ 2,5 milhões e cada unidade habitacional terá um custo de aproximadamente R$ 145,7 mil. A primeira unidade será construída com a emenda do deputado Max Russi e contrapartida de R$ 25,7 mil do Executivo Municipal.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros