Justiça Terça-feira, 20 de Dezembro de 2011, 16:00 - A | A

Terça-feira, 20 de Dezembro de 2011, 16h:00 - A | A

DENÚNCIA

Deputado federal recém-empossado no lugar de Valtenir é acusado de invadir uma casa em Cuiabá

Advogada comprou imóvel no Parque Cuiabá por meio de leilão da Caixa, mas não entrou porque residência foi invadida pelo então cabo da PM, que agora substitui o presidente do PSB, Valtenir Pereira, que está em licença até abril de 2012

JORGE ESTEVÃO

Mayke Toscano/Hipernoticias

Advogada mostrou documentos em que comprovam a aquisição do imóvel em financiamento da Caixa Econômica

O deputado federal e cabo da PM de Mato Grosso, Juliano de Souza Rabello, é acusado de invadir uma casa no Parque Cuiabá no início de novembro deste ano. O autor da denúncia é a advogada Maria Donizete Correia, que adquiriu o imóvel em leilão da Caixa em maio de 2011. Donizete moveu recentemente ação de reintegração de posse na Justiça estadual.

 Juliano Rabello (PSB), que está afastado das funções militares, tomou posse na Câmara dos Deputados no dia 3 de dezembro passado em substituição a Valtenir Pereira, presidente regional do partido, que está licenciado até abril deste ano.

Segundo a advogada Maria Donizete, em maio deste ano ela adquiriu a casa por meio de leilão da Caixa. O imóvel, segundo ela, está avaliado em R$ 68 mil. Donizete pagou cerca de R$ 42 mil, como entrada à instituição financeira.

A advogada disse que havia algumas pessoas dentro da casa, que estava em nome de Clorinei de Oliveira Ferreira, pessoa que havia perdido a residência por não ter pagado o financiamento. Mas, por meio de avisos do 5º Ofício de Cuiabá, quem ocupava o imóvel saiu, sem oferecer resistência.

Nos meses seguintes, a advogada se ocupou em pagar contas de água, energia – que estavam em nome de Juliano -, IPTU para se apossar do imóvel totalmente legalizado. A escritura, lavrada no livro 108, às páginas 12/14, foi finalizada em agosto.

No início de novembro, a advogada levou um pedreiro para fazer orçamento de reforma na casa e aproveitou para trocar as fechaduras do imóvel. Porém, o pedreiro avisou que havia necessidade de troca da fiação elétrica.

No dia 15 de novembro, o pedreiro levou o eletricista para fazer orçamento, mas não conseguiu entrar no imóvel porque as fechaduras haviam sido trocadas. Ambos acessaram o quintal da casa e viram que dentro havia colchonetes, bancos e ventiladores, indicando uma invasão. A partir daí começaram os problemas da advogada com o então cabo da PM.

Por meios próprios, advogada descobriu que dois dos quatro ocupantes da casa são permissionários do bar que funciona dentro do Clube da Caixa, na Rodovia Palmiro Paes de Barros, na mesma região do Parque Cuiabá. No dia 24 de novembro, um boletim de ocorrência (BO) foi registrado na Central da Polícia Civil.

De posse do documento, a advogada procurou a PM no bairro e os policiais foram com ela até a casa. O cabo da PM, que já estava no local, interpelou Donizete e disse que a casa era dele. Depois de uma hora de discussão, Juliano Rabelo determinou que a casa voltasse a ser ocupada e fez valer sua autoridade, já os outros militares tinham patentes inferiores à dele.

Agora, a advogada luta para reaver o imóvel. Já ingressou com reintegração de posse, mas devido ao recesso forense, o pedido ainda não foi distribuído. Também recorreu à Corregedoria da PM e até o momento a única novidade foi um telefonema em que um policial perguntou se ela queria seguir com a denúncia.

OUTRO LADO

Ao ser procurado pelo HiperNoticias, o atual deputado federal afirmou que adquiriu o imóvel da Caixa Econômica há 10 anos. Falou ainda que tem documentos e pediu à reportagem para procurar pela advogada dele, Maria de Lourdes.

Procurada, Maria de Lourdes avisou que iria passar a documentação para o deputado federal e ele procuraria pela reportagem e entregaria as provas. O diálogo entre o HiperNoticias, o parlamentar e a advogada aconteceu no dia 15 passado e até o momento não houve retorno das partes. As ligações foram feitas pela reportagem por meio de celular institucional.

 

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Aldo 21/12/2011

para seu conhecimento

Cláudio 20/12/2011

Este é o tipo de pessoa sendo eleita para Deputado do Estado de Mato Grosso!!! Absurdo!!1.. As instituições públicas deste país estão falidas!!!

Elona Gay 20/12/2011

OLHA O NÍVEL DO CARA. SE FOSSE SÓ ISSO TAVA BOM,O PIOR E QUE ELE COMANDA UM GRUPO DE POLICIAIS QUE FAZEM SEGURANÇA PRIVADA VALENDO DA FUNÇÃO DE POLICIAIS,O QUE VEDADO POR LEI. FATO É QUE ELE FEZ A SEGURANÇA DA CONVENÇÁO DO PDT. COM A PALAVRA O SENADOR PEDRO TAQUES.

Marcus Mediato 20/12/2011

Muito bunito prá thua cara, né Juliano!!! Cadeia nelle!

4 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros