Quinta-Feira, 05 de Março de 2020, 08h:48

Tamanho do texto A - A+

TCE-MT promove inúmeras atividades em homenagem ao Dia Internacional da Mulher

Por: REDAÇÃO

O Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), por meio do Núcleo de Qualidade de Vida, deu início, nesta quarta-feira (04), às comemorações do Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 março. Com atividades que vão desde roda de conversa sobre emponderamento da mulher e combate à violência até orientações e procedimentos como bioimpedância, a homenagem segue até sexta-feira (06) e é exclusiva para colaboradoras da Corte de Contas.
Na solenidade de abertura, o presidente do TCE-MT, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, ressaltou que da mulher deve-se falar o ano todo, mas que é preciso comemorar o 8 de março para reforçar, especialmente, a necessidade de mais mulheres ocupando espaços de poder.

Reprodução/Tony Ribeiro

Dia internacional da mulher tce
"Precisamos lembrar das guerreiras que perderam suas vidas lutando por seus Direitos e, sobretudo, lembrar que no Brasil ainda há muitos espaços que devem ser ocupados por mulheres, principalmente na política, em posições de poder e de decisão. A mulher faz toda a diferença, vem dela o poder matri, que é o de ser naturalmente a chefe, a tutora das famílias", destacou.
Falando em nome das mulheres que atuam no Tribunal de Contas de Mato Grosso, a conselheira substituta Jaqueline Jacobsen fez um breve relato histórico de como surgiu o Dia Internacional da Mulher e deixou uma mensagem de reflexão às colaboradoras do órgão, para que utilizem o preconceito que ainda possa existir como impulso para dar continuidade à luta por espaço.
"Que a gente não se deixe desanimar, tirar do rumo, do caminho, do sonho da carreira. Que a gente continue enfrentando firme, com coragem e, por meio do trabalho, demonstrando a nossa capacidade. Peço que usem o preconceito que ainda possa existir como um impulso para continuar conquistando o espaço, demonstrando a capacidade e a competência", declarou a conselheira.
Representando o Ministério Público de Contas (MPC), o procurador-geral adjunto, William de Almeida Brito Júnior, também ressaltou a importância da celebração da data. "É um dia para reafirmar todos os Direitos e, principalmente, o Direito à igualdade. Felizmente no Brasil já se avançou muito, mas sabemos que ainda temos muito a avançar. No nosso órgão, por exemplo, não temos nenhuma conselheira titular mulher e nosso MPC é 100% masculino. Felizmente temos uma conselheira substituta, que é um exemplo de garra, trabalho e determinação e que representa muito bem todas as mulheres, mas espero que em breve possamos ter mais mulheres em cargos de direção".
A abertura da programação do Dia Internacional da Mulher contou ainda com uma apresentação do Coral do TCE-MT e da servidora Renata Oliveira.
 


 
Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto