Cidades Sexta-feira, 06 de Maio de 2011, 09:42 - A | A

Sexta-feira, 06 de Maio de 2011, 09h:42 - A | A

PRECARIEDADE NA SAÚDE

Médicos entram com denúncia no Ministério Público contra Pronto-Socorro de Cuiabá

Funcionários mostraram, através de vídeos, que a situação no hospital é precária

ALIANA F. CAMARGO
aliana@hipernoticias.com.br

Divulgação
Na UTI neontal, o esgoto volta pela pia, onde deveria ter mais higiene.

O Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed) irá protocolar nesta sexta (6) denúncia no Ministério Público Estadual (MPE) sobre a denúncia oferecida relatando a situação precária que se encontra o Pronto- Socorro de Cuiabá.

Vídeos feitos por médicos e divulgados pela internet, mostram o despreparo logístico de um dos maiores hospitais públicos do Estado. Nas imagens, a gravação mostra o esgoto que volta da pia de dentro da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) infantil. Além do mau cheiro, a possibilidade de contaminação no local é muito alta.

Através dos vídeos também podem ser vistos goteiras na paredes e banheiros sem nenhuma condição de ser usado, além de muitas baratas. O pronto-socorro passou por reforma recentemente. Na fachada, a nova pintura contrasta com o precariedade que se encontra no interior.

O Ministério Público Estadual, informou por meio da assessoria de imprensa, que existe outras ações referentes ao Pronto Socorro. O promotor Alexandre Guedes, responsável na MPE pela área da saúde, está realizando as investigações.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros