Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

Cidades Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 09:16 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 09h:16 - A | A

APÓS CHURRASCO

Ex-policial militar é encontrado morto em Várzea Grande

MAX AGUIAR

A Polícia Civil investiga a morte do ex-cabo da Polícia Militar, Amarílio Pinto de Araújo, 51 anos. Ele foi encontrado morto na noite deste domingo (6) na sua residência, em Várzea Grande. A hipóstese é dele ter dado um tiro na própria cabeça. 

 

Ele foi excluído da corporação há quatro meses. O ex-militar, então lotado no 4º Batalhão em Várzea Grande, esteve durante o dia no churrasco na casa de amigos. 

 

Alan Cosme/HiperNoticias

policia militar

 

A esposa do ex-policial contou aos agentes da Delegacia de Homicídios que o marido chegou em casa e se deitou por volta das 1h.

 

A mulher também relatou que foi até a cozinha comer algo e ouviu o disparo. Ela correu até o quarto e encontrou o marido caído com bastante sangue na cabeça em cima de um colchão. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve na casa minutos depois e confirmou o óbito.

 

Policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) também estiveram no local e investigam o caso. Caso seja comprovado o suicídio, o inquérito será arquivado.

 

Amarília Araújo foi afastado por ter pedido dinheiro para não levar suspeitos para a delegacia. O caso teria ocorrido em 2013 e esse ano ele foi afastado das fileiras da corporação. Desde então, segundo a esposa, ele passou a ser um homem "mais calado e diferente''. 

 

O corpo de Araújo foi levado ao IML de Cuiabá e será entregue nesta segunda-feira para procedimentos fúnebres. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros