Quarta-feira, 24 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,59
euro R$ 6,07
libra R$ 6,07

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,59
euro R$ 6,07
libra R$ 6,07

Política Domingo, 02 de Outubro de 2022, 21:06 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Domingo, 02 de Outubro de 2022, 21h:06 - A | A

ELEIÇÕES 2022

Mato Grosso elege cinco novos deputados federais; três se mantêm no cargo

Cinco novatos são Fábio Garcia e Coronel Assis, ambos do União Brasil, Abílio Brunini, Coronel Fernanda e Amalia Barros, do PL

RAFAEL COSTA
Do Local

Mato Grosso vai ter cinco novos deputados federais a partir de 1º de fevereiro de 2023. Apenas os deputados federais Juarez Costa e Emanuelzinho, ambos do MDB, e José Medeiros (PL) foram reeleitos.

Os cinco novatos são Fábio Garcia e Coronel Assis, ambos do União Brasil, Abílio Brunini, Coronel Fernanda e Amalia Barros, do PL.

Embora tenha sido a mais votada na disputa, a atual deputada federal Rosa Neide não foi reeleita. Mesmo com 124.310 mil votos, a federação formada pelo PT-PCdoB e PV não atingiu o quociente eleitoral, que é a quantia mínima de votos para o partido ou federação obter uma vaga. 

O PSD e o Republicanos também não atingiram o quociente.

Confira a votação de cada um dos deputados federais eleitos com até 99,83% dos votos apurados:

Fábio Garcia (União Brasil) 98.500 votos

Abílio Brunini (PL) 87.013 votos 

José Medeiros (PL) 82.097 votos

Juarez Costa (MDB) 77.132 votos

Emanuelzinho (MDB) 74.556 votos 

Amalia Barros (PL) 70.250 votos

Coronel Fernanda (PL) 60.142 votos

Coronel Assis (União Brasil) 47.425 votos 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros