Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Política Sábado, 07 de Janeiro de 2017, 17:45 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 07 de Janeiro de 2017, 17h:45 - A | A

VAI VENDO

"Cuiabá será vitrine para o PMDB em 2018", diz novo prefeito

RENAN MARCEL

Novo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro afirma que a sua administração na Capital será “a grande vitrine” do seu partido, o PMDB, nas eleições de 2018.

 

“Será um PMDB que vai avançar nas políticas públicas na Capital. Que vai humanizar a gestão, aproximando a sociedade. A gestão em Cuiabá será vitrine para a disputa”, garante.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

emanuel pinheiro

 

A sigla pretende ter candidatura própria ao governo. Por enquanto, o único nome colocado como pré-candidato é o do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Antonio Joaquim.

 

A confirmação foi dada pelo presidente da legenda, deputado federal Carlos Bezerra, que não descartou candidatura de Joaquim ao Senado e ainda diz que haverá outros nomes dentro do partido até 2018, que poderão disputar o governo.

 

Ao mesmo tempo, Emanuel reafirma que terá uma gestão parceira do atual governo do Estado, sob Pedro Taques (PSDB), ao qual fez oposição na Assembleia Legislativa e contra o qual disputou uma acirrada eleição em 2016, vencendo o candidato tucano Wilson Santos, agora secretário de Cidades.

 

Ele lembra que o secretário da Casa Civil, Paulo Taques, e o próprio governador garantiram “portas abertas” e parceria administrativa, deixando de lado as questões partidárias e os interesses eleitorais de 2018.

 

Bezerra, por sua vez, acredita que o seu partido conseguiu se sobressair aos casos de corrupção envolvendo o ex-governador Silval Barbosa. Para ele, a prova disso foi a vitória de Emanuel Pinheiro para prefeito de Cuiabá.

 

“Ele [Silval] cometeu os erros dele a vai pagar por isso. A vida do partido continua, não pesa [para o PMDB]. Tanto é que nós vencemos as eleições aqui em Cuiabá. Esse discurso ultrapassado e arcaico não pegou, porque o povo sabe distinguir o alho do bugalho”.

 

Bezerra faz questão de defender pontos que considera positivo na “Era Silval”.“Ele lançou um programa de administração que nenhum governador lançou em toda a história de Mato Grosso. Graças ao PMDB, ele conseguiu recursos para obras que estão paradas aí, como o MT Integrado, o Prodetur, obras da Copa e o programa de pontes. Ele conseguiu implementar algumas e outras estão paradas ai, com recursos”, diz. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Benedito costa 07/01/2017

O Prefeito Emanoel anda muito emotivo apos assumir a Prefeitura. O Pedro Taques tambem foi assim qdo assumiu o governo so Estadoe veja como ele esta hoje. Emanoel contenha-se, nao vai com sede ao pote.

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros