Sábado, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Polícia Domingo, 19 de Maio de 2024, 11:46 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Domingo, 19 de Maio de 2024, 11h:46 - A | A

CONFUSÃO EM BAR

Homem é preso ao assediar organizadora de festa e chamar mulheres de 'sapatões nojentas' em Cuiabá

O suspeito foi expulso do estabelecimento comercial e ameaçou os funcionários dizendo que estava com 'uma peça na cintura'

SABRINA VENTRESQUI
Da Redação

Um homem, de 24 anos, foi preso por homofobia ao xingar mulheres de ‘sapatões nojentas’ no ‘Bar da Lagoa’ e por importunação sexual ao tocar o cabelo da organizadora do evento sem o consentimento dela.  A confusão foi registrada na madrugada deste domingo (19), no estabelecimento comercial que fica situado no Centro Político Administrativo (CPA), em Cuiabá.

Segundo o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada às 3h30 para atender uma ocorrência de desentendimento no “Bar da Lagoa”.

No local, os policiais conversaram com os funcionários, que disseram terem devolvido o dinheiro do suspeito e o expulsado do bar por estar assediando uma das organizadoras do evento e tocando o cabelo dela sem o consentimento.

No momento da expulsão, o homem ficou nervoso e disse que os trabalhadores ‘iriam se ver com ele’ e que ele estava ‘com uma peça na cintura’. Não satisfeito, o suspeito ainda chamou outras frequentadoras da festa de ‘sapatões nojentas’. 

Diante da situação, ele foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para registro de ocorrência e demais providências cabíveis. 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros