Sexta-feira, 19 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

Mundo Sexta-feira, 14 de Junho de 2024, 07:15 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 14 de Junho de 2024, 07h:15 - A | A

Hezbollah lança novo ataque contra Israel após morte de um de seus comandantes

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

O Hezbollah afirmou na quinta-feira, 13, que lançou uma nova série de foguetes e drones contra posições do Exército de Israel, no segundo dia de ataques em retaliação pela morte de um dos principais comandantes do grupo. Em paralelo ao anúncio da milícia xiita, a mídia libanesa relatou a morte de um civil no Líbano após um ataque de Israel, também na noite da quinta-feira.

Foguetes foram disparados contra seis postos israelenses, disse o Hezbollah, que simultaneamente lançou drones explosivos contra três outros postos, incluindo uma principal divisão de inteligência no norte de Israel.

Os militares israelenses disseram que aproximadamente 45 projéteis, incluindo foguetes e drones, foram lançados em direção às áreas da Galiléia e das Colinas de Golã.

Este é um dos maiores ataques do Hezbollah contra posições militares israelenses desde o início da guerra na Faixa de Gaza entre Israel e o grupo terrorista Hamas, aliado do grupo libanês. Desde então, as trocas de agressões são quase diárias na fronteira entre o Líbano e o norte de Israel.

Na terça-feira, 11, um ataque israelense matou Taleb Sami Abdallah e outros três combatentes do Hezbollah, na vila de Juaiyya, no sul do Líbano. Uma fonte militar libanesa indicou que Abu Taleb é o "membro mais importante do Hezbollah assassinado" desde que o movimento xiita abriu um front com Israel, após o início da guerra em Gaza. Em resposta, a milícia xiita radical libanesa lançou 215 foguetes contra o território israelense na quarta-feira, 12.

O porta-voz do governo israelense, David Mencer, disse que seu país "responderá com força a todas as agressões do Hezbollah".

Segundo a estatal libanesa Agência Nacional de Notícias, uma mulher morreu em um ataque israelense contra uma casa no sul do Líbano na noite desta quinta-feira, entre as cidades de Jannata e Deir Qanoun al-Nahar. Outros sete civis ficaram feridos no ataque.

A mídia local informou que o ataque atingiu um prédio residencial de três andares e que os feridos, incluindo mulheres e crianças, foram transportados para hospitais locais, que fizeram um apelo para doações de sangue. (COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS)

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros