Domingo, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Mundo Segunda-feira, 27 de Maio de 2024, 15:00 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 27 de Maio de 2024, 15h:00 - A | A

Em discurso na Alemanha, Macron apela por Europa forte e soberana, visando Rússia

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

O presidente francês, Emmanuel Macron, apelou a uma Europa forte e soberana como garantia da paz, da prosperidade e da democracia. Em discurso na cidade alemã de Dresden, o líder afirmou que a guerra voltou à Europa após a agressão da Ucrânia pela Rússia, e que isso ameaça a paz no continente.

"A paz não será a capitulação da Ucrânia, mas o que a Ucrânia decidir por si mesma", afirmou. "Defenderemos a Ucrânia enquanto for necessário e com a intensidade necessária", acrescentou.

"A Rússia atacou a Ucrânia e poderá, teoricamente, estar aqui amanhã ou depois de amanhã", disse, sublinhando que o desafio a se enfrentar nos próximos anos é "o que deveria ser a segurança europeia". "Já nos próximos meses precisamos definir quais são os riscos e perigos. E de onde eles vêm: da Rússia, do Irã, da China?", questionou.

Macron fez a primeira viagem de um presidente francês a Dresden, cidade símbolo da devastação durante a Segunda Guerra, e posteriormente da reunificação alemã. Ao seu lado, estava o presidente do país, Frank-Walter Steinmeier.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros