Sexta-feira, 19 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,58
euro R$ 6,09
libra R$ 6,09

Esportes Domingo, 16 de Junho de 2024, 17:45 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Domingo, 16 de Junho de 2024, 17h:45 - A | A

Inglaterra leva sufoco, mas estreia com vitória sobre a Sérvia na Eurocopa

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

A Inglaterra sofreu no segundo tempo, mas arrancou uma vitória magra por 1 a 0, diante da Sérvia, em Gelsenkirchen, na Alemanha, em sua estreia na Eurocopa. Bellingham, de cabeça, anotou o único gol da partida. Os ingleses lideram, assim, o Grupo C, já que Dinamarca e Eslovênia haviam empatado por 1 a 1 na outra partida da chave.

A equipe comandada por Gareth Southgate mostrou desde o apito inicial que sua missão seria furar a retranca sérvia, que se defendia com o maior número de jogadores atrás da linha da bola. Para isso, os ingleses abusavam dos toques rápidos, especialmente entre as linhas, invertendo o jogo de uma ponta à outra.

O gol, porém, não demorou a sair. Aos 12 minutos, Saka cruzou do lado direito do ataque. Na entrada da pequena área, do lado esquerdo, Bellingham entrou em velocidade, levou a melhor sobre a marcação de Zivkrovic e cabeceou sem chances para o goleiro Rajkovic.

Apesar da necessidade de buscar o empate, os sérvios mal conseguiam ter a posse de bola. A primeira chegada perigosa da equipe ocorreu aos 20 minutos. Em falha na saída de Alexander-Arnold, Mitrovic recebeu a bola de Zivkovic do lado direito da área e chutou com força à esquerda da meta defendida por Pickford.

Aos 24, Alexander-Arnold se redimiu, interceptando um passe no setor defensivo, e iniciou um contra-ataque. Saka avançou com a bola pelo meio e rolou para Walker, na direita, que bateu rasteiro e cruzado à direita de Rajkovic.

A Sérvia equilibrou as ações, aproveitando os espaços cedidos, e tentava aproveitar a estatura de seus atletas com chuveirinhos na área. Os ingleses respondiam com saídas em velocidade e, principalmente, por meio das investidas de Saka pelo lado direito, mas nenhum dos lados ameaçou a meta adversária até o final do primeiro tempo.

No intervalo, o técnico Dragan Stojkovic substituiu Gudelj por Ilic para dar criatividade ao meio de campo da Sérvia, que passou a pressionar a saída de bola da Inglaterra na etapa final. Em vantagem, os ingleses tocavam de lado à procura de espaços, sem entusiasmo.

Os sérvios cresceram no jogo e passaram a frequentar o campo de ataque, criando boas oportunidades para igualar, mas faltava a finalização a gol. Quando a Sérvia era melhor, aos 31 minutos, Bowen, que havia acabado de entrar, avançou pela direita e cruzou na área. Harry Kane ganhou a disputa com Veljkovic pelo alto e cabeceou forte para grande defesa de Rajkovic, que espalmou no próprio travessão e evitou o segundo gol inglês.

Na reta final, a Sérvia buscou o empate com todas as suas forças. Aos 36, Vlahovic aproveitou um rebote na entrada na área e bateu forte. Pickford se esticou e espalmou para escanteio. No lance seguinte, Birmancevic arriscou de longa distância e Kane afastou de cabeça, quase em cima da linha, evitando o empate. Aos 44, Milinkovic-Savic chutou à esquerda do gol. Passados os sustos, os ingleses puderam festejar o difícil triunfo.

As duas equipes retornam a campo na quinta-feira. Pela segunda rodada, a Sérvia enfrenta a Eslovênia, às 10h (horário de Brasília), em Munique. Já os ingleses encaram a Dinamarca, às 16h, em Frankfurt.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros