Sábado, 18 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Cidades Sexta-feira, 23 de Setembro de 2016, 11:34 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 23 de Setembro de 2016, 11h:34 - A | A

BRASIL CENTRAL SEGURO

Polícia Civil fecha nove pontos de extração ilegal de ouro em Paranaíta

REDAÇÃO

Nove pontos de extração ilegal de ouro em Paranaíta (a 851 km ao Norte de Cuiabá) foram fechados pela Polícia Judiciária Civil (PJC), na manhã desta sexta-feira (23.09), durante a operação Brasil Central Seguro, deflagrada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

 

Assessoria/Polícia Civil

garimpo

Policiais encontraram equipamentos e materiais para extração mineral em garimpo ilegal

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, as ações resultaram na apreensão de armas de fogo, munições, maquinários, material de garimpo, além de 13 pessoas conduzidas.

 

A operação deu cumprimento a 14 mandados de busca em apreensão, sendo nove deles em regiões de garimpo e outros cinco em fazendas e propriedades rurais, alvos de investigação de esbulho possessório e posse irregular de arma de fogo.

 

Nas buscas, foram apreendidas sete espingardas, calibres 28, 32 e 36, 28 munições, sete motosserras, dois maquinários, além de materiais utilizados na extração de minérios. Cinco pessoas foram presas em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e munições e outras oito responderão ao Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por crime ambiental.

 

A operação contou com efetivo de 28 investigadores e cinco escrivães das delegacias Regionais de Alta Floresta, Nova Bandeirantes, Apiacás, Nova Monte Verde, Paranaíta, Carlinda e Nova Canaã do Norte, sob a coordenação do delegado Marcos Cezar Faria Lyra e do delegado regional, Rodrigo Basto da Silva.

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros