Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Cidades Quarta-feira, 06 de Julho de 2016, 16:27 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 06 de Julho de 2016, 16h:27 - A | A

FATALIDADE NA BR-364

Motoristas morrem e mulher e criança ficam feridas em choque frontal entre carretas

GABRIEL SOARES

Dois homens morreram em uma colisão entre duas carretas na BR-364, próximo a Jangada (70 km de Cuiabá), no final da tarde desta terça-feira (5). Outras duas pessoas, uma mulher e uma criança, ficaram feridas no acidente.

 

Marcos Lopes/HiperNotícias

operação Lei Seca/policia/PRF/rodoviária

 

Segundo informações da concessionária Rota do Oeste, que administra a rodovia, as carretas bateram de frente e os motoristas morreram ainda no local do acidente, presos às ferragens.

 

Informações preliminares apontam que o motorista de uma das carretas, uma Volvo FH-440, trafegava no sentido Sul da rodovia quando perdeu o controle e invadiu a pista contrária, chocando-se de frente com a outra carreta.

 

O motorista da carreta atingida viajava com sua esposa e uma criança de dois anos. Elas ficaram feridas no acidente e foram encaminhadas ao Pronto-Socorro de Várzea Grande. O estado de saúde delas não foi divulgado.

 

O trânsito ficou bloqueado devido ao acidente e o tráfego precisou ser desviado temporariamente.

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Polícia Civil e a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) estiveram no local para iniciar as investigações sobre o acidente, que correrão sob a responsabilidade da PJC.

 

Os corpos dos motoristas foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) de Cuiabá.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros