Sábado, 25 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

Últimas Segunda-feira, 27 de Junho de 2016, 14:56 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 27 de Junho de 2016, 14h:56 - A | A

Receita Federal começa a cancelar CNPJ de MEIs inativos, na sexta-feira (1/7)

REDAÇÃO

Empresas que foram abertas, há mais de dois anos, e não cumpriram nenhuma das obrigações tributárias perderão o CNPJ, a partir do dia 01/07/16; dívida com INSS e prefeituras continuará a ser acumulada até que seja quitada para dar baixa ao registro de MEI

 

 

Assessoria de imprensa Sebrae MT / Vanessa Brito

 

 

CUIABÁ – A Receita Federal (RF) vai começar a cancelar, a partir da próxima sexta-feira (1/7), o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) dos Microempreendedores Individuais (MEI), que estão inativos no sistema. MEIs que não apresentaram declaração de faturamento à RF, há mais de dois anos, e não estão em dia com o pagamento da parcela do imposto unificado (INSS, ISS, ICMS, etc) perderão o número de CNPJ. A dívida com o INSS e prefeituras continuará a ser acumulada, até que seja quitada para dar baixa ao registro de MEI.

 

 

Cerca de 20% dos MEIs em Mato Grosso se encontram nessa situação.  A ação de cancelamento do CNPJ dos MEIs inativos será concluída, em dezembro próximo. Esta providência da RF passará a ser rotina, todos os anos.

 

 

A analista da Gerência de Empreendedorismo do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MT), Liliane Ramos,  explica que o cancelamento não redime o empreendedor da dívida e o valor passa a ser vinculado ao Cadastro de Pessoa Física (CPF). "Neste caso, o empreendedor pode procurar o Sebrae, a Receita ou imprimir os boletos para quitação no Portal do Empreendedor”.

 

 

O procedimento foi aprovado pelo Comitê para Gestão da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios, que publicou a resolução no Diário Oficial da União, em 3 de maio passado. Conforme a normativa, caso o MEI queira retornar a atividade, precisará realizar todo processo de formalização novamente. Não será possível reverter o cancelamento, nem recuperar o número do CNPJ.

 

 

Liliane avisa que as pessoas que optarem por manter o CNPJ devem procurar o Portal do Empreendedor (www.portaldoempreendedor.gov.br  ), imprimir os boletos e quitar todos os débitos. O Sebrae MT atende os MEIs e poderá ajudar os MEIs inativos. Mais informações: 08005700800.

 

 

Atualmente, mais de 6 milhões de  MEIs estão cadastrados na RF. Desse total, aproximadamente 115 mil estão em Mato Grosso. Enquadra-se como MEIs  os empreendedores com faturamento até R$ 60 mil por ano.

 

 

Serviço:

 www.mt.sebrae.com.br

Unidade de Marketing e Comunicação Sebrae MY

+55 65 3648 1214 / 1215

youtube.com/sebraemt

twitter.com/sebraemt

facebook.com/sebraemt

Rita Comini - +55 65 9932 1890

[email protected] 

Vanessa Brito - +55 65 9685.3004

[email protected] 

 

 

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros